Mandato de Paulo Schmitt é irregular e pode anular todas as decisões do STJD

Mandato de Paulo Schmitt é irregular e pode anular todas as decisões do STJD

Por Meu Timão

Paulo Schmitt tem mandato irregular

Paulo Schmitt tem mandato irregular

Foto: Igor Siqueira

Procurador-geral do STJD, Paulo Schmitt é o símbolo da falta de critério e dos desmandos do órgão no futebol brasileiro - que vem prejudicando times e afastando torcedores. Porém, o mesmo "defensor da justiça" estaria irregular no cargo que ocupa.

A denúncia é do portal UOL, que apurou que o mandato de Schmitt fera o Código Brasileiro de Justiça Desportiva. Definido em 2009, o código é específico sobre o mandato dos procuradores: tem duração máxima de 2 anos e só dá direito a uma recondução.

Nesta data, o procurador já tinha três anos de cargo - mas foi eleito em 2010 e reeleito em 2012, somando 9 anos - violando o próprio código que Paulo Schmitt deveria proteger. A Lei Pelé também discorre o tema - e em ambos os casos a presença do procurador no STJD é ilegal.

Para se manter no cargo, Schmitt tenta se eximir da lei, dizendo que a mesma vale somente para auditores, e procurando a brecha pela data da mudança; segundo ele, o tempo anterior a 2009 está fora da conta.

Além do problema com o tempo de mandato, o site também apurou que o cargo não foi criado por uma lei - apenas por uma resolução, o que é falha grave e invalida a existência da posição. E nesse caso, a situação é ainda mais séria - a irregularidade do cargo de um Procurador-Geral do STJD anularia as penas aplicadas pela Justiça desportiva.

Apesar disso, nada é páreo para a cara de pau de Paulo Schmitt que afirma que não há lei que impeça um novo mandato no STJD - nas palavras do próprio, ele pode "ficar mais dois anos, e depois desses dois anos tenho que me submeter à lista tríplice da CBF novamente. Não há problema".

Veja Mais:

  • Wladimir será o mais novo colunista do Meu Timão

    Herói de 77 será colunista do Meu Timão

    ver detalhes
  • Dudu revelou que jogadores do Palmeiras tinham conhecimento de confusão feita pelo árbitro no clássico

    Atacante palmeirense diz por que não avisou árbitro de erro em expulsão de Gabriel

    ver detalhes
  • Jadson treinou nesta quinta-feira e não será problema para final no Moisés Lucarelli

    Jadson volta, e Carille ensaia escalação do Corinthians para primeira decisão do Paulista

    ver detalhes
  • Fiel esgotou bilhetes colocados à venda no Fiel Torcedor

    Em menos de uma hora, torcida do Corinthians esgota ingressos para decisão do Paulista

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes