Chapa de oposição do Corinthians se aproxima de Luxemburgo, diz site

Chapa de oposição do Corinthians se aproxima de Luxemburgo, diz site

Por Meu Timão

Luxemburgo seria primeira opção da oposição

Luxemburgo seria primeira opção da oposição

Enquanto a situação política no Corinthians não é resolvida, o futuro do futebol no clube segue incerto. Com a decisão do atual presidente Mário Gobbi em não renovar com o treinador Mano Menezes, deixando a escolha para o próximo presidente, as especulações aumentaram.

O contrato de Mano Menezes termina em dezembro, e ainda não há previsão de quem irá assumir seu papel. Provisoriamente, Sylvinho deverá ficar como interino até fevereiro, quando acontecerão as eleições.

Não consenso nem mesmo na situação - enquanto para Gobbi, a continuação de Mano seria a melhor opção, seu candidato à sucessão, Roberto de Andrade, tem preferência declarada por Tite. Abel Braga e Oswaldo de Olveira também foram especulados.

Hoje, outro nome entra na lista: Vanderlei Luxemburgo. O treinador seria a primeira opção de Paulo Garcia, candidato que encabeça a chapa da oposição. Segundo informações do portal UOL, Garcia teria se reunido com Luxemburgo em um jantar há cerca de 15 dias - quando foi indicado como principal nome para assumir o clube em caso de vitória da oposição.

Veja Mais:

  • Filha dá resposta sensacional ao pai palmeirense: 'Vai, Corinthians'

    Pai força garotinha a cantar música do Palmeiras, e ela surpreende com um 'Vai, Corinthians!'

    ver detalhes
  • Gaviões da Fiel se unirá as outras torcidas organizadas paulitas neste domingo

    Organizadas rivais de São Paulo se unem em evento no Pacaembu em homenagem à Chape

    ver detalhes
  • Oswaldo opinou sobre empréstimo de jogadores à Chape

    Oswaldo opina sobre empréstimo de jogadores do Corinthians à Chapecoense

    ver detalhes
  • Arana pode se transferir para a Inter de Milão nos próximos dias

    Com oferta na mão, Corinthians espera retorno de presidente para definir venda de Arana

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes