Renato Augusto decide marcando o seu primeiro gol no Campeonato Brasileiro

Renato Augusto decide marcando o seu primeiro gol no Campeonato Brasileiro

Por Larissa Emanuelle

Renato Augusto ainda não tinha marcado um gol no Brasileirão 2014

Renato Augusto ainda não tinha marcado um gol no Brasileirão 2014

Titular com o técnico Mano Menezes e longe dos seus conhecidos problemas de lesão, o meia Renato Augusto marcou o segundo gol do Corinthians na partida contra o Bahia, onde o Timão conseguiu sua segunda vitória consecutiva.

O meia estava na lista dos poucos jogadores que ainda não tinham marcado um gol na competição nacional, como o próprio Angel Romero, Uendel, Ralf e Felipe, atletas que costumam estar em campo pelo Timão. O recém chegado Gustavo Tocantins, promovido por Mano Menezes, também ainda não deixou o seu.

O gol marcado pelo camisa 8 do Corinthians aconteceu graças à um ótimo passe do meia Danilo, sempre experiente e decisivo, ajudando a equipe alvinegra na busca por uma vaga na Libertadores da América. Com a vitória, o Timão alcança 60 pontos no Brasileirão, mesma pontuação de Internacional e Grêmio, que ocupam a terceira e quarta colocação da tabela.

Precisando de mais uma vitória para seguir na busca pela competição continental, o Corinthians enfrenta o Goiás na próxima rodada do Campeonato Brasileiro. O jogo acontecerá no Mangueirão.

Veja Mais:

  • Monster Jam agitou Itaquera nesse sábado

    Primeiro Monster Jam no Brasil leva mais de 30 mil pessoas à Arena Corinthians

    ver detalhes
  • Crislan pertence ao Braga, mas jogou no Vegalta Sendai por empréstimo

    Em alta no Japão, atacante despista sobre sondagem do Corinthians

    ver detalhes
  • Carille acredita em crescimento de Marquinhos Gabriel na próxima temporada

    Após sondagens, Corinthians e Marquinhos Gabriel negam possibilidade de empréstimo para 2018

    ver detalhes
  • Em meio à Fiel, Carille ergue a taça do hepta

    Como ganhar na loteria! 'Campeão de tudo' em 2018 levará R$ 144 milhões

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes