Partida entre Corinthians e Grêmio já possui 30 mil ingressos vendidos

Partida entre Corinthians e Grêmio já possui 30 mil ingressos vendidos

Por Larissa Emanuelle

Corinthians x Grêmio: 30 mil ingressos vendidos

Corinthians x Grêmio: 30 mil ingressos vendidos

Na última quinta-feira, o twitter oficial da Arena Corinthians informou que a 'final' envolvendo Timão e Grêmio já tinha 27 mil ingressos vendidos. Após aproximadamente 24hrs, a torcida alvinegra já garantiu a presença de pelo menos 30 mil pessoas no estádio.

O jogo envolvendo o clube paulista e o time gaúcho é de suma importância na disputa por uma vaga na Libertadores da América, e uma vitória do Corinthians, em sua Arena, pode melhorar ainda mais as chances de se garantir na competição continental e até mesmo um possível vice-campeonato do Brasileirão.

Embalado após três vitórias consecutivas, o Timão espera que o número de bilhetes vendidos aumente ainda mais, para que o recorde de público da Arena Corinthians possa ser batido (37.119 pessoas), transformando a nova casa alvinegra num caldeirão, para empurrar a equipe à vitória.

A partida decisiva acontecerá neste domingo, na Arena Corinthians, às 19h30 (horário de Brasília).

Twitter oficial da Arena Corinthians informa quantidade de ingressos vendidos e os pontos de venda:

Veja Mais:

  • Marlone está deixando o Corinthians para atuar no Atlético-MG

    Postura de Marlone no dia a dia fez diretoria do Corinthians aceitar pedido de liberação de agente

    ver detalhes
  • Marlone fica por empréstimo até o final desta temporada

    Corinthians e Atlético-MG acertam troca entre Marlone e Clayton

    ver detalhes
  • Carille perdeu dez opções para o jogo desta quinta

    Corinthians tem dez desfalques para partida contra Red Bull Brasil; veja a lista

    ver detalhes
  • Carille não contou com Marlone no treino desta quarta-feira; jogador está de saída do Corinthians

    Marlone desfalca treino, e Carille escala Corinthians com sete jovens da base contra Red Bull

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes