Torcedores acendem sinalizadores na Arena Corinthians e são agredidos

Torcedores acendem sinalizadores na Arena Corinthians e são agredidos

Por Larissa Emanuelle

9.6 mil visualizações 161 comentários Comunicar erro

Na partida entre Corinthians e Grêmio, torcedores acenderam sinalizadores

Na partida entre Corinthians e Grêmio, torcedores acenderam sinalizadores

Após o gol marcado por Guerrero diante do Grêmio, torcedores empolgados com a vitória do time alvinegro acenderam sinalizadores, que são proibidos nos estádios. Preocupados com uma possível punição ao Timão, Corinthianos agrediram os donos dos artefatos.

A partida entre as duas equipes foi paralisada pelo árbitro Ricardo Marques até que os sinalizadores pudessem ser apagados pela torcida. Caso o juiz tenha relatado em sua súmula o ocorrido, é bem possível que o clube paulista possa ser denunciado pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva.

Neste ano, o Corinthians tem sido um dos clubes mais denunciados do país pelo tribunal e uma possível punição pelos sinalizadores pode fazer o time de Mano Menezes perder mandos de campo, mais uma vez.

O próximo jogo do Timão será contra o Fluminense, fora de casa, ainda pelo Campeonato Brasileiro. Um empate garante o time alvinegro na Libertadores da América.

Veja Mais:

  • Torcedores fizeram enormes filas no último sábado para garantir ingresso para o treino

    Ingressos do treino aberto do Corinthians são vendidos por até R$ 50; clube divulga nota oficial

    ver detalhes
  • Noite de decisão será de grande público na Arena Corinthians

    Corinthians divulga parcial de 38 mil ingressos vendidos para decisão contra o Flamengo

    ver detalhes
  • Nesta quarta-feira, Corinthians e Flamengo lutam por vaga na final da Copa do Brasil

    Copa do Brasil, treino aberto e decisão no feminino: a semana de compromissos do Corinthians

    ver detalhes
  • Corinthians de Jair Ventura está em oitavo lugar no Brasileirão

    Corinthians 'volta uma casa' na classificação do Brasileirão, mas diminui distância para o G6

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes