Dirigente do Corinthians deixa portas abertas para Paulinho e 'ignora' interesse do Internacional

Dirigente do Corinthians deixa portas abertas para Paulinho e 'ignora' interesse do Internacional

Por Larissa Emanuelle

28 mil visualizações 117 comentários Comunicar erro

Paulinho foi ídolo no Corinthians, vencendo Brasileiro, Libertadores e Mundial

Paulinho foi ídolo no Corinthians, vencendo Brasileiro, Libertadores e Mundial

Em entrevista concedida no CT Joaquim Grava nesta quinta-feira (27), o dirigente Edu Gaspar comentou sobre a possibilidade de Paulinho ser contratado pelo Internacional na próxima temporada e acredita que o time colorado 'não será adversário'. O Timão já deixa as portas abertas para a volta do volante.

"Paulinho tem as portas abertas aqui para quando quiser, internamente é queridíssimo, e pela torcida também. O dia que formos competir com o Inter não será a parte financeira que mudará a cabeça dele, não acredito que o Inter seria adversário para nós", afirmou Edu.

No Corinthians, Paulinho conquistou o Campeonato Brasileiro (2011), Libertadores (2012), Mundial de clubes (2012) e o Campeonato Paulista (2013).

Caso consiga a liberação do Tottenham, o jogador deve voltar ao Timão. Na Inglaterra, o ex-camisa oito alvinegro não tem conseguido espaço, deixando até mesmo de ser convocado para servir a seleção brasileira.

Veja Mais:

  • Fiel volta à Arena Corinthians na noite do próximo sábado; partida será contra o Paraná Clube

    Viagem ao Rio, sorteio da Copa BR e doze confrontos: todos os compromissos do Corinthians na semana

    ver detalhes
  • Corinthians de Romero foi derrotado pelo Grêmio por 1 a 0 no fim do primeiro turno

    Cruzeiro só empata, Corinthians mantém posição, mas vê distância para o G6 aumentar

    ver detalhes
  • Fessin anotou o único gol do Corinthians no José Liberatti

    Com goleiro Filipe, Corinthians sai atrás, empata, mas é superado pelo Palmeiras no Paulista Sub-20

    ver detalhes
  • Corinthians caiu para o Grêmio, na Arena Corinthians

    Corinthians chega a 16 derrotas em 2018; falta uma para igualar pior temporada nesta década

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes