Lista da Forbes põe Corinthians como 'bi-campeão' no ranking de mais valiosos das Américas

Lista da Forbes põe Corinthians como 'bi-campeão' no ranking de mais valiosos das Américas

Por Meu Timão

Corinthians é o mais valioso das Américas

Corinthians é o mais valioso das Américas

Foto: Daniel Augusto Jr. / Agência Corinthians

Pelo segundo ano consecutivo, o Corinthians é campeão no ranking dos mais valiosos da América. Em lista publicada pela revista Forbes, o time repetiu o feito de 2013, e ficou no topo da tabela - o clube também é o único do continente a valer mais de U$500 milhões.

A lista levou em consideração três critérios: patrimônio, valor do elenco e valor da marca. Somados os três fatores, o Corinthians foi avaliado em um total de 579.9 milhões de dólares.

Sozinho, o Timão é mais valioso que a soma dos dois grandes rivais da cidade: Palmeiras e São Paulo. A publicação destacou que a além da nova Arena, a marca e elenco poderoso são os grandes trunfos do clube - que vale 60% mais que o segundo colocado, deixando-o em posição isolada na tabela de valores.

Além do Corinthians, mais 15 clubes brasileiros aparecem na lista. A publicação também destacou o crescimento dos times americanos no ranking, e evidenciou o mercado emergente para o futebol nos Estados Unidos, onde o clube irá fazer a pré-temporada 2014.

Veja Mais:

  • Pepinho e Coelho, técnico e auxiliar do Sub-20, respectivamente

    Coelho perde posto, e diretoria do Corinthians fecha com novo treinador para Sub-20

    ver detalhes
  • Clayton foi apresentado no Corinthians nesta terça-feira

    Clayton é apresentado no Corinthians 'sem prazo de validade' e já fala em títulos

    ver detalhes
  • Com Clayton, Timão agora freia possíveis contratações e saídas

    Corinthians vê negociações esfriarem e aguarda fim do Paulistão; entenda

    ver detalhes
  • Paulinho de volta ao Corinthians? 'Esse dia será louco', projeta o próprio clube

    Corinthians 'recepciona' Paulinho e projeta até retorno: 'Esse dia será louco'

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes