Corinthians irá abrir Comissão de Ética para analisar negociações envolvendo conselheiro Fernando Garcia

Corinthians irá abrir Comissão de Ética para analisar negociações envolvendo conselheiro Fernando Garcia

Por Meu Timão

Relação do conselheiro Fernando Garcia com atletas será julgado

Relação do conselheiro Fernando Garcia com atletas será julgado

Após imbróglio envolvendo a contratação do goleiro Danilo da Chapecoense, para liberar Walter para uma possível saída do Timão, o Corinthians resolveu discutir a participação de Fernando Garcia - conselheiro vitalício do clube - em direitos de jogadores corinthianos.

Segundo informações de bastidores, a contratação de Danilo pelo Corinthians aconteceu "por baixo dos panos", sem que a comissão técnica do Timão tivesse solicitado. Walter - e a comissão - querem a permanência do jogador no time.

A reserva, porém, não é interessante para a Elenko Sports, empresa que tem Fernando Garcia como sócio, uma vez que como suplente de Cássio o jogador tem pouca visibilidade. Além de Walter, a empresa de Garcia detém direitos econômicos de Petros, Guilherme Arana, Uendel e Malcom.

Além dos cincos jogadores atualmente no clube, Fernando Garcia também já teve parte dos direitos de Ralf e foi um dos que lucrou com a venda de Cléber - contra a vontade do Corinthians - para o futebol alemão.

A prática de Garcia, porém, fere o estatuto do clube, que condena a participação de conselheiros ou mandatários em direitos de atletas. O ato deveria ser punido com a perda da posição no conselho ou cargo, ainda que o cargo seja vitalício.

Segundo o site Lancenet, na noite desta segunda-feira, o Conselho Deliberativo optou por pedir a análise dos casos à Comissão de Ética do Parque São Jorge. Porém, de acordo com a publicação, pouco se acredita em punição para o caso de Garcia.

Veja Mais:

  • Corinthians/Americana pode não voltar a quadra no segundo semestre

    Campeão nacional, Corinthians/Americana chega ao fim, diz jornal

    ver detalhes
  • De promessa a dispensado: ex-Corinthians, Cassini comunica saída da Ponte Preta

    De promessa a dispensado: ex-Corinthians, Cassini comunica saída da Ponte Preta

    ver detalhes
  • Cicinho, hoje no futebol búlgaro, deve pintar como reforço do Corinthians

    Final da Copa da Bulgária separa Corinthians de segunda contratação para o Brasileirão-2017

    ver detalhes
  • Pequeno torcedor conheceu também o xeque Al-Khelaifi, dono do clube francês

    Em Paris, torcedor-mirim surpreende xeique do PSG e pede contratação de atacante do Corinthians

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes