Tite admite negociação com o Inter em entrevista coletiva e Ronaldo Ximenes fala sobre a duração do contrato

Tite admite negociação com o Inter em entrevista coletiva e Ronaldo Ximenes fala sobre a duração do contrato

Por Meu Timão

3.8 mil visualizações 23 comentários Comunicar erro

Durante sua apresentação, Tite falou sobre diversos assuntos diferentes

Durante sua apresentação, Tite falou sobre diversos assuntos diferentes

Durante a entrevista coletiva, como não poderia deixar de ser, o técnico Tite falou sobre sua vida enquanto estava desempregado e sobre o interesse do Internacional.

- Só abri possibilidades profissionais para o Corinthians e outros clubes depois do término do Brasileiro. Isso porque quero ficar bem comigo mesmo. Gostaria que fizessem isso comigo. Houve possibilidades. Não vou negar a conversa com o Internacional. Com outros clubes não houve conversa porque havia algo encaminhado com o Corinthians. Estou muito feliz - disse.

Outro ponto importante que foi abordado durante a entrevista, tratou sobre o tempo de contrato do novo comandante alvinegro. E o diretor Ronaldo Ximenes falou sobre a longa duração do contrato de Tite:

- É um projeto do clube. De 2008 até hoje, e se tudo der certo até 2017, neste período de dez anos o Corinthians terá três técnicos. Esse modelo é para elaborar o projeto a longo prazo. Não é algo imediatista com resposta em seis meses. Sabemos que isso não dá certo no futebol. Por isso o Corinthians se tornou vitorioso. - declarou.

Além disso, Tite fez questão de não se comparar com Mano Menezes e preferiu falar sobre etapas profissionais:

-Todos os profissionais passam por etapas. Não é legal comparar. O Mano teve sua etapa. Agora vamos seguir em frente e colocar o Corinthians acima de qualquer coisa. As negociações começaram após o fim do Brasileiro, houve interesse assim que decidiram que o Mano não ficaria - e ainda acrescentou:

- Tenho a dimensão exata da responsabilidade. Eu me preparei em termos educacionais e profissionais para isso. Tenho essa dimensão. Também tento evitar comparações. Meu respeito profissional ao Mano é muito grande. Cada um cria sua própria etapa e própria história. Comparações não levam a lugar algum - finalizou.

Veja Mais:

  • Com Jadson em bom momento, Timão tenta abocanhar quarto título de Copa do Brasil nesta quarta

    Corinthians duela com Cruzeiro na Arena pelo título da Copa do Brasil; saiba tudo

    ver detalhes
  • Romero fez 27 gols em 99 jogos na Arena Corinthians; paraguaio é o artilheiro do elenco

    Artilheiro da Arena Corinthians, Romero faz seu 100º jogo no estádio na decisão da Copa do Brasil

    ver detalhes
  • Mãos aos céus: Pedrinho agradece gol decisivo que colocou Corinthians na final da Copinha-16

    Cruzeiro e Arena Corinthians: Pedrinho e Léo Santos viveram batismo diante da Fiel há três anos

    ver detalhes
  • Jair Ventura conduziu treino aberto do Timão na Arena pré-final da Copa do Brasil

    Em treino na Arena, Jair preserva zagueiro e não indica escalação do Corinthians para final

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes