Esquecido por Mano, Lodeiro busca "salto" com Tite, fã de seu futebol

Esquecido por Mano, Lodeiro busca "salto" com Tite, fã de seu futebol

6.6 mil visualizações 93 comentários Comunicar erro

Um dos maiores reforços do Corinthians para a próxima temporada pode estar dentro do próprio elenco. Esquecido por Mano Menezes na reta final de 2014, o meia Nicolás Lodeiro é tratado como um jogador que dará grande salto sob o comando de Tite. O técnico recém-contratado pelo Timão é fã do uruguaio desde os tempos em que ele defendia o Botafogo. Agora, vai receber o meia de “presente” no início de sua terceira passagem pelo clube.
A comissão técnica do Timão avalia que Lodeiro tem condições para decolar no ano que vem. Na parte física, o uruguaio passou a temporada fazendo um trabalho para aumentar a massa muscular – com bons resultados no fim do ano. Na área técnica, o clube também vê grande potencial não aproveitado. Lodeiro fez apenas oito jogos oficiais com a camisa alvinegra.
Diretores corintianos dizem que Mano não teve paciência com o jogador, que chegou ao clube com um turbilhão de “distrações” na cabeça. O cansaço da disputa da Copa do Mundo, a demora para sua regularização e uma inusitada lesão no pé após acidente durante o banho atrapalharam o início do meia. Com o time brigando por Libertadores, o antigo técnico deixou Lodeiro de lado.
– Futebol é assim mesmo. O Lodeiro chegou, treinou muito bem, mas a estreia atrasou um pouco. Os primeiros jogos não foram tão bons, e as oportunidades passaram a ser dadas para outros. Em um momento decisivo como o que estamos, não dá para recuperar um jogador. O processo atrasa e acaba ficando para a próxima temporada – disse Mano, em uma de suas últimas entrevistas pelo Corinthians.
Lodeiro no Corinthians:

8 jogos oficiais
Uma assistência, nenhum gol
Nenhuma finalização certa
1,5 desarme por jogo
330 minutos em campo
Com Tite, a promessa é de que o caminho seja diferente. Lodeiro vai começar a temporada no mesmo patamar dos companheiros e com um técnico que gosta muito de seu estilo. O novo comandante acredita que Lodeiro seja peça importante na Libertadores por causa da experiência internacional. Ele disputou três vezes a competição: duas pelo Nacional, do Uruguai, e uma pelo Botafogo.
Assim como Tite, o gerente de futebol Edu Gaspar é outro que acredita muito nas qualidades do uruguaio. Tratado como “motorzinho” pela disposição de marcar e sair jogando, ele tem características semelhantes às do meia Petros – a única diferença é que Lodeiro é canhoto.
O Corinthians investiu cerca de R$ 4,5 milhões para contratar o jogador, mas tinha crédito com o Botafogo porque pagava parte dos salários do atacante Emerson Sheik, emprestado ao clube carioca. Em 2015, porém, os dois têm boas chances de atuarem juntos com a camisa corintiana. Fora do Botafogo desde outubro, Sheik deve ser aproveitado na próxima temporada.

Fonte: globo esporte

Veja Mais:

  • Revelação de 2017, Pedrinho reforça Corinthians diante do Red Bull Brasil

    Com Pedrinho, Carille relaciona 23 no Corinthians para duelo com Red Bull Brasil

    ver detalhes
  • Renê Júnior foi apresentado pelo Corinthians à imprensa em 7 de janeiro

    Reforço de R$ 5 milhões, volante aguarda primeira chance no Paulistão; novo esquema pode ajudá-lo

    ver detalhes
  • Livro 'Sócrates Eterno' será lançado na noite desta segunda, em São Paulo

    Viúva de Sócrates lança autobiografia do ex-jogador do Corinthians nesta segunda em São Paulo

    ver detalhes
  • Sem contusão, Clayson treinou normalmente e deve pegar Red Bull

    Após exames, Clayson treina no Corinthians e deve enfrentar Red Bull

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes