Timão oferece RS 13 milhões e Dudu deve ser oficializado como reforço até terça

Timão oferece RS 13 milhões e Dudu deve ser oficializado como reforço até terça

Por Larissa Emanuelle

Dudu deve ser oficializado como novo reforço até terça-feira

Dudu deve ser oficializado como novo reforço até terça-feira

Querendo oficializar mais um jogador contratado, o Corinthians ofereceu um bom dinheiro para ter o meia-atacante Dudu confirmado até segunda ou terça-feira. Segundo o diário Lance!, a oferta alvinegra já foi aceita pelo Dínamo de Kiev.

Os dois clubes já chegaram à um acordo e até mesmo aos termos burocráticos, faltando apenas a troca de documentos. As bases da negociação pelo jogador, que estava atuando no Grêmio, devem fechar em 4 milhões de euros (RS 13 milhões), por 60% dos direitos econômicos do mesmo.

Mesmo com alguns detalhes faltando para a sua contratação, Dudu já fala como jogador do Corinthians e até exaltou a torcida alvinegra, definindo como diferenciada. O atleta ainda revelou a ajuda do zagueiro Gil na negociação (os dois jogaram juntos no Cruzeiro e possuem boa amizade).

Para a comissão técnica do Timão, Dudu chega para ser titular, formando a dupla de ataque com Paolo Guerrero. No momento, o meia-atacante ainda tem contrato de empréstimo com o Grêmio, até o dia 31 deste mês.

Veja Mais:

  • Equipe de Fábio Carille chegou a 15 jogos de invencibilidade

    Corinthians chega a 15 jogos de invencibilidade; ultimo revés foi ainda na primeira fase do Paulista

    ver detalhes
  • Após bela troca de passes de Marquinhos e Jadson, Jô bateu rasteiro e decretou vitória alvinegra em Salvador

    Jô decide e Corinthians vence a primeira no Brasileirão

    ver detalhes
  • Marquinhos Gabriel foi bem em Salvador; meia não atuava desde eliminação do Timão na Copa-BR

    Fiel destaca Marquinhos Gabriel, mas elege atacante como melhor em campo contra o Vitória

    ver detalhes
  • Marquinhos prometeu recuperar boa fase no Timão depois de vitória em Salvador

    Marquinhos Gabriel: 'Cair e ficar deitado não dá. Não é saindo que as coisas vão se resolver'

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes