Corinthians oferece dois anos de contrato a zagueiro de clube rival e espera fechar até sexta-feira

Corinthians oferece dois anos de contrato a zagueiro de clube rival e espera fechar até sexta-feira

Por Meu Timão

21 mil visualizações 274 comentários Comunicar erro

Edu Dracena pode ser o novo reforço do Corinthians

Edu Dracena pode ser o novo reforço do Corinthians

Na última semana, diretores do Corinthians fizeram contato com o zagueiro Edu Dracena e seu irmão, Renato Abonízio. O atleta afirmou que conseguiria sua liberação da equipe santista para, então, ser o reforço de Tite para a disputa da Copa Libertadores. As informações são do portal Lancenet.

Na última segunda, o santista se reuniu com a diretoria do clube da baixada para buscar uma "aproximação", termo usado após os questionamentos sobre o encontro. Mas se engana quem acha que ele permanecerá na Vila. O experiente defensor garantiu que não buscaria a Justiça para sair, como fizeram outros atletas do elenco, mas exigiu que fosse combinado o pagamento de uma dívida que o Santos tem com ele.

Quem tratou das negociações foram Edu Gaspar e Andrés Sanchez. O presidente Mário Gobbi Filho e o diretor Ronaldo Ximenes não participaram das conversas, mas deram aval para a chegada do jogador, sem custos.

Veja Mais:

  • Pedrinho e Romero já tiveram bom rendimento atuando juntos

    Concorrentes para Loss, Pedrinho e Romero vinham jogando juntos com Carille; relembre rendimento

    ver detalhes
  • Corinthians já lucrou quase R$ 100 milhões com negociação de jogadores

    Balanço do Corinthians previa R$ 50 milhões em vendas, mas clube já arrecadou quase o dobro em 2018

    ver detalhes
  • O apresentador e ex-jogador Neto se irritou com o momento atual do Corinthians

    Ex-jogadores do Corinthians comentam derrota no Majestoso nas redes sociais

    ver detalhes
  • O jogador corinthiano fez sua última partida pelo Timão neste sábado

    'Não sei se fico feliz ou triste': torcedores do Corinthians repercutem saída de Rodriguinho

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes