Oposição deve montar 'chapão' para concorrer contra Roberto de Andrade

Oposição deve montar 'chapão' para concorrer contra Roberto de Andrade

Por Meu Timão

Ilmar Schiavento, Roque Citadini e Paulo Garcia se anunciaram como candidatos da oposição

Ilmar Schiavento, Roque Citadini e Paulo Garcia se anunciaram como candidatos da oposição

As eleições no Parque São Jorge estão perto de mais uma reviravolta - dispostos a fazer uma mudança na gestão do clube, as chapas de oposição pode se juntar para formar uma chapa única de candidatura à presidência do time.

A união entre Paulo Garcia e Roque Citadini já estaria definida, e a dupla aguarda ainda pode ter o reforço de Ilmar Schiavenato para também integrar a chapa. A chapa de oposição seria liderada por Citadini como candidato à presidência. O plano é fortalecer a oposição para garantir a vitória nas eleições.

A união já é discutida há algum tempo, o que atrasou as inscrições oficiais dos candidatos até o prazo final, dia 16/01. Com o prazo de inscrição se encerrando, a entrada ou não de Ilmar na chapa terá de sair até sexta-feira. Até então, a única chapa inscrita é a liderada por Roberto de Andrade, com apoio do ex-mandatário Andrés Sanchez e o atual presidente, Mário Gobbi.

As eleições acontecem no dia 07 de fevereiro e o voto é facultativo para os sócios do clube. Embora estime-se que sejam cerca de 12 mil sócios no clube, apenas 1/3 dos associados costumam votar.

Veja Mais:

  • Corinthians foi bicampeão mundial em 2012, diante do Chelsea, no Japão

    Grêmio cai, e Corinthians segue sendo último sul-americano campeão do Mundial da Fifa

    ver detalhes
  • Yago volta ao Corinthians na primeira semana de janeiro

    Após empréstimo, zagueiro é reintegrado ao Corinthians; Del'Amore no radar

    ver detalhes
  • Scarpa tem reunião marcada com empresários neste sábado

    Alvo do Corinthians, Scarpa agenda reunião com representantes para decidir futuro

    ver detalhes
  • Promoção da empresa Apito Promocional na camisa durante o Brasileirão 2012

    Corinthians mantém cobrança milionária contra ex-patrocinador; calote chega a cinco anos

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes