A menos de 6 meses do final do contrato, Guerrero já pode assinar um pré-contrato com qualquer clube

A menos de 6 meses do final do contrato, Guerrero já pode assinar um pré-contrato com qualquer clube

Por Meu Timão

À espera de definição, Guerrero já pode assinar pré-contrato

À espera de definição, Guerrero já pode assinar pré-contrato

Foto: Rodrigo Coca/Foto Arena

O grande atacante peruano Paolo Guerrero já pode assinar um pré-contrato com qualquer equipe do mundo a partir desta quinta-feira. Pela regra da Fifa, o atleta pode firmar um documento futuro seis meses antes do término de seu atual vínculo. O do peruano, no caso, vai até 15 de julho, ou seja, a partir de 15 de janeiro (hoje), o atleta fica liberado para poder pré-assinar com outras equipes. Quem faz a ressalva é o portal Lancenet.

Nos últimos meses do ano passado, diretoria e jogador vem negociando a renovação do vínculo. O camisa 9 quer U$$ 6 milhões, cerca de R$ 18 milhões, de luvas para assinar um novo acordo. O Coringão, por sua vez, aceita pagar US$ 4 milhões (cerca de R$ 12 milhões) e o restante em exploração de marketing, chegando ao valor pretendido pelo peruano. Novas conversas foram agendadas para 2015.

De toda forma, se caso Guerrero pré-assinar com outro clube, o Timão não receberia nada pela transação, mas o atleta ainda assim teria que honrar seus compromissos no Corinthians, e vestir a camisa alvinegra até o último dia do seu contrato, em julho.

Veja Mais:

  • Com a 9 corinthiana, Luizão foi artilheiro da Libertadores de 2000, com 15 gols

    Ao Meu Timão, Luizão fala da busca do Corinthians por centroavante: 'Se cavar, acha na Argentina'

    ver detalhes
  • Camacho (à dir.) ganhou oportunidade entre os titulares no treino desta sexta

    Carille esboça time titular com uma troca; chance de mudança no esquema existe

    ver detalhes
  • Emerson Sheik com a camisa do Corinthians em coletiva no CT

    Emerson Sheik é apresentado, diz entender desconfiança e promete dar resposta em campo

    ver detalhes
  • Sheik assinou contrato até o fim de junho

    Emerson Sheik fala sobre contrato de seis meses, aposentadoria e possível renovação com Corinthians

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes