Para evitar punições, Corinthians ainda não formalizou Edu Dracena

Para evitar punições, Corinthians ainda não formalizou Edu Dracena

Por Meu Timão

Corinthians quer evitar 'caso Petros' com Dracena

Corinthians quer evitar 'caso Petros' com Dracena

Foto: Ricardo Saibun / Divulgação

Precaução. Escaldado pelas peripécias do STJD, e suspensões aplicadas por vírgulas fora do lugar, o Corinthians prefere esperar para apresentar o zagueiro Edu Dracena publicamente. Já treinando fisicamente no CT Dr. Joaquim Grava, o novo xerife deve ficar só na academia por pelo menos mais um dia.

A nova prática adotada é consequência do "Caso Petros". Com o antigo contrato rescindido no mesmo dia que o novo foi assinado, o atleta sequer poderia jogar, segundo a acusação da promotoria. Absolvido, o Timão prefere não dar margem para qualquer especulação e só apresentar novos reforços com a parte jurídica 100% resolvida - o mesmo aconteceu com Edilson e Mendoza, apresentados apenas nos Estados Unidos.

O BID (Boletim Informativo Diário) publicou ontem a rescisão de Dracena com seu ex-clube, o Santos. O contrato de dois anos entre o zagueiro e o Corinthians deve ser registrado hoje, já que todas as taxas já foram pagas.

Seguindo a normalidade, a apresentação do atleta acontecerá amanhã, quinta-feira, após o treinamento da tarde, marcado para às 16h30.

Veja Mais:

  • Giovanni Augusto será titular neste domingo

    Giovanni Augusto substitui Jadson para jogo contra Fluminense; veja escalação do Corinthians

    ver detalhes
  • Carille, que definiu a lista dos que viajarão ao Rio, com o preparador Walmir Cruz

    Sem dois titulares, Corinthians divulga lista dos relacionados para viagem ao Rio de Janeiro

    ver detalhes
  • Arana publicou foto com boneco

    Em foto de Arana, Balbuena tira onda e compara volante do Corinthians a Lula Molusco

    ver detalhes
  • Carille foi liberado dos últimos treinos do Corinthians

    Carille é liberado novamente pelo Corinthians, mas viaja ao Rio para jogo de domingo

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes