Sheik se declara para o Timão após a vitória contra o Marília

Sheik se declara para o Timão após a vitória contra o Marília

Sheik se declarou para o Timão após a vitória contra o Marília

Sheik se declarou para o Timão após a vitória contra o Marília

Foto: Daniel Augusto Jr. / Agência Corinthians

O ano de 2015 começou diferente para Emerson Sheik. Sempre polêmico e sincero, o camisa 11 se declarou ao Corinthians após a vitória contra o Marília nesse domingo.

"As pessoas me conhecem pela sinceridade e isso não me incomoda mesmo. Eu amo esse lugar, amo vestir essa camisa. Aqui mostrei realmente a minha cara, meu futebol. Aqui foram as minhas maiores conquistas. Aqui me realizei verdadeiramente. A cada dia desses cinco meses eu vou dar melhor", disse, que não quis falar sobre renovação, mas garantiu que não deixará esse assunto interferir no seu desempenho dentro de campo.

"Não cheguei atrasado nenhum dia esse ano e nem de helicóptero", brincou o atleta, que já foi muito criticado pela torcida por essas atitudes.

O "novo" Emerson Sheik garantiu que está reencontrando a sua melhor forma:

"Estou vivendo um momento único na minha carreira. Estou feliz da vida. Mesmo que não tenha que provar nada para ninguém, tenho essa sensibilidade de que as pessoas precisam ver o Emerson de sempre. Ele está voltando e está readquirindo sua melhor forma. Achei o caminho", finaliza.

Veja Mais:

  • Pedrinho é a grande novidade entre os titulares

    Apostando na força da base, Corinthians recebe o Red Bull Brasil na Arena

    ver detalhes
  • Marlone está deixando o Corinthians para atuar no Atlético-MG

    Postura de Marlone no dia a dia fez diretoria do Corinthians aceitar pedido de liberação de agente

    ver detalhes
  • Carille perdeu dez opções para o jogo desta quinta

    Corinthians tem dez desfalques para partida contra Red Bull Brasil; veja a lista

    ver detalhes
  • Marquinhos Gabriel segue como jogador do Corinthians

    Marquinhos Gabriel escapa de barca e ganha sobrevida no Corinthians

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes