Corinthians jogará na altitude pela 15ª vez na Libertadores

Corinthians jogará na altitude pela 15ª vez na Libertadores

Por Diego Salgado

Em 2013, o Corinthians bateu o Millonarios em Bogotá

Em 2013, o Corinthians bateu o Millonarios em Bogotá

Foto: Daniel Augusto Jr./Agência Corinthians

Depois de enfrentar uma maratona de 14 horas para chegar a Manizales, o Corinthians terá de encarar outro desafio, além do próprio Once Caldas, na disputa pela vaga na fase de grupos da Libertadores: os 2.153 metros da cidade colombiana. A partida desta quarta-feira será o 15º confronto do time corinthiano na altitude, em jogos válidos pela Libertadores. O aproveitamento é de 45%, com cinco vitórias, quatro empates e cinco derrotas.

Os triunfos foram alcançados em La Paz (3.640 metros), Quito (2.850 metros) e Bogotá (2.640 metros), cidades mais altas do que Manizales, além de Cali (1.003 metros). Na Bolívia, o Corinthians venceu o The Strongest por 2 a 0, em 2003. No Equador, a equipe bateu Espoli (3 a 1, em 1996) e LDU (2 a 0, em 2000). Na capital da Colômbia, derrotou o Millonarios por 1 a 0 em 2013. Por fim, passou pelo Deportivo Cali fora de casa ao fazer 1 a 0, em 2006.

Oruro, local da partida diante do San José, é a cidade mais alta onde o Corinthians já jogou na Libertadores. Na ocasião, há dois anos, o time alvinegro empatou por 1 a 1. A equipe também conseguiu somar um ponto fora de casa contra o Jorge Wilstermann (Cochabamba, 2.574 metros), Independiente (Medellín, 1.520 metros) e Cruz Azul (Cidade do México, 2.240 metros).

As derrotas na altitude ocorreram em Quito, Cuenca (2.560 metros), Ibagué (1.285 metros) e Cidade do México diante de El Nacional (2 a 1, em 1977), Deportivo Cuenca (2 a 1, em 1977), Tolima (2 a 0, em 2011), Cruz Azul (3 a 0, em 2003) e América (2 a 0, em 2000).

O Corinthians disputou 37 partidas fora do Brasil em 11 edições da competição. No total, 22 jogos ocorreram em cidades com altitude abaixo dos 760 metros de São Paulo. Curiosamente, o aproveitamento nesses confrontos é inferior ao alcançado na altitude: 40,9%, com sete vitórias, seis empates e nove derrotas.

A Argentina foi palco de seis jogos. Paraguai, Equador e México receberam cinco partidas cada. Colômbia (4), Uruguai (4), Bolívia (3), Chile (3) e Venezuela (1) completam a lista. O Corinthians só não enfrentou times peruanos na Libertadores.

Corinthians na altitude

Oruro
3.700 metros

San José 1 x 1 Corinthians (2013)

La Paz
3.640 metros

The Strongest 0 x 2 Corinthians (2003)

Quito
2.850 metros

LDU 0 x 2 Corinthians (2000)
Espoli 1 x 3 Corinthians (1996)
El Nacional 2 x 1 Corinthians (1977)

Bogotá
2.640 metros

Millonarios 0 x 1 Corinthians (2013)

Cochabamba
2.574 metros

Jorge Wilstermann 1 x 1 Corinthians (1999)

Cuenca
2.560 metros

Deportivo Cuenca 2 x 1 Corinthians (1977)

Cidade do México
2.240 metros

Cruz Azul 0 x 0 Corinthians (2012)
Cruz Azul 3 x 0 Corinthians (2003)
América 2 x 0 Corinthians (2000)

Medellín
1.520 metros

Independiente 1 x 1 Corinthians (2010)

Ibagué
1.285 metros

Tolima 2 x 0 Corinthians (2011)

Cali
1.003 metros

Deportivo Cali 0 x 1 Corinthians (2006)

Veja Mais:

  • Michel (à esq.) e o sobrinho foram ao Maracanã naquele 23 de outubro

    Terceiro corinthiano solto no Rio desabafa: 'Fui pra ver o jogo, não pra brigar'

    ver detalhes
  • Torcedores na Arena poderão adicionar patch da Chapecoense em camisas

    Loja da Arena irá personalizar grátis camisas em homenagem à Chapecoense

    ver detalhes
  • Corinthians já definiu profissionais que devem permanecer e ser negociados

    Isaac, Mendoza, Oswaldo... Confira quem chega e quem sai do Corinthians

    ver detalhes
  • É tudo política, estúpido!

    [Marco Bello] É tudo política, estúpido!

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes