Exemplo de jogador, Danilo não se importa em qual posição irá atuar

Exemplo de jogador, Danilo não se importa em qual posição irá atuar

Por Meu Timão

1.7 mil visualizações 35 comentários Comunicar erro

Danilo é decisivo em clássicos

Danilo é decisivo em clássicos

Foto: Daniel Augusto Jr./ Agência Corinthians

Aos 35 anos, o meia Danilo vive uma fase muito boa no Corinthians. Com toda a torcida ao seu lado, o meia é o preferido de Tite para jogar como centroavante diante do duelo contra o São Paulo, pela Libertadores da América, na próxima quarta-feira, superando até mesmo o recém contratado Vagner Love.

Exemplo de jogador, Danilo que sempre foi conhecido como um atleta de grupo, nunca envolvido em polêmicas e sempre calmo, o atleta revelou que pode até mesmo mudar de função, para sempre, se for necessário.

- No Goiás, atuei várias vezes como o homem de frente. Não ficava muito parado, na verdade. Saía, vinha para o meio. Mas é uma posição em que penso para daqui a pouco, até por causa da idade. Vou virar esse pivô dentro da área, sem tanta obrigação de voltar para marcar. É questão de adaptação, de treinamento - disse o meia no CT Joaquim Grava, após o treino do Corinthians nessa segunda-feira.

Decisivo em clássicos, o camisa 20 do Timão já marcou 10 vezes contra os principais rivais do Corinthians, sendo metade desses gols em cima do São Paulo.

Veja Mais:

  • 'Quase herói' contra Cruzeiro, Pedrinho pode ganhar chance como titular diante do Vitória

    Corinthians se reapresenta com reservas e pode ter três mudanças para jogo contra Vitória

    ver detalhes
  • Will Dantas (à dir.) ao lado de Pedrinho, jogador do Corinthians

    Agente volta atrás e nega divergência com Corinthians sobre Pedrinho

    ver detalhes
  • Corinthians terá nove 'finais' no Brasileiro para terminar temporada de forma digna

    Análise: Corinthians demonstra limitações e é vice na Copa do Brasil; equipe liga sinal de alerta

    ver detalhes
  • Corinthians vem de derrota para o Santos no Brasileirão

    Em seu pior turno na história, Corinthians mira nove finais para evitar tragédia no Brasileiro

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes