Presidente do São Paulo garante ônibus para as organizadas após o clássico contra o Corinthians

Presidente do São Paulo garante ônibus para as organizadas após o clássico contra o Corinthians

Por Meu Timão

Jogo será na Arena Corinthians, às 22 horas

Jogo será na Arena Corinthians, às 22 horas

Foto: Meu Timão

A polêmica envolvida em torno da volta para a casa dos torcedores do São Paulo foi parcialmente resolvida. Nessa terça-feira, o presidente do São Paulo, Carlos Miguel Aidar, garantiu que o clube do Morumbi irá disponibilizar cerca de 50 ônibus para as torcidas organizadas do rival do Timão voltar para a casa após o final da partida.

O confronto acontece na quarta-feira, às 22 horas na Arena Corinthians. A partida é válida pela primeira rodada da fase de grupos da Libertadores da América e tem expectativa de mais de 40 mil torcedores, no que será o primeiro clássico entre Corinthians x São Paulo no novo estádio do Timão

Como a partida deve terminar perto de meia noite, os torcedores do Timão ainda conseguem usar o metrô, mas os são paulinos, que provavelmente terão que aguardar cerca de uma hora após o final da partida no estádio aguardando a liberação da polícia, não terão essa opção.

A situação é tão crítica que, segundo o presidente do São Paulo, até mesmo a diretoria do Corinthians deve ajudar a pagar os custos dos ônibus.

- Temos conversado com o Corinthians, a procura de uma solução conjunta. Tenho certeza que eles vão dividir essa conta, inclusive já há entendimento com o Andrés Sanchez nesse sentido - disse Aidar.

Os 50 ônibus providenciados pelo São Paulo irão deixar os torcedores no Largo Paysandu. Resta a dúvida do que irão fazer pra continuar o caminho aos seus lares os 1800 torcedores que estarão no centro de São Paulo, cerca de duas horas da manhã.

Veja Mais:

  • Cerca de 200 integrantes de organizadas foram ao Pacaembu neste domingo

    Ato de organizadas tem gritos de 'Vamo Chape' e pedido por liberdade nos estádios

    ver detalhes
  • Kalil, à direita de Roberto de Andrade, pediu licença de 60 dias

    Vice-presidente solicita licença do cargo e dispara contra diretoria do Corinthians

    ver detalhes
  • Bruno César anotou o segundo gol na vitória por 2 a 0

    Ex-jogador do Corinthians marca golaço de falta e dedica à Chapecoense; veja o vídeo

    ver detalhes
  • Maycon conta com o aval de Oswaldo de Oliveira para retorno

    Retorno de Maycon minimiza necessidade por contratação de volante no Corinthians

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes