Vagner Love acredita em parceria com Guerrero: 'Espero que dê muito certo'

Vagner Love acredita em parceria com Guerrero: 'Espero que dê muito certo'

Love fará dupla com Paolo Guerrero

Love fará dupla com Paolo Guerrero

Foto: Daniel Augusto Jr. / Ag. Corinthians

O técnico Tite esboçou o time titular que deve enfrentar o Mogi Mirim, no domingo, com a dupla Vagner Love e Guerrero em campo. Essa será a primeira vez da tão esperada dupla de ataque. Para o atacante Vagner Love, essa é uma ideia que pode dar certo.

"Eu espero que dê muito certo essa dupla. Eu vim para somar, não para substituir o Guerrero. Se tiver a oportunidade de jogar com ele, vou tentar fazer o mesmo que fiz em outros clubes ao lado de centroavantes com características como a dele e espero que dê certo", declarou o jogador, em entrevista coletiva no CT logo após o treino dessa sexta-feira.

Uma das outras oportunidades que Love já teve foi com Adriano, que também já teve passagem pelo Corinthians. Os dois atuaram no Flamengo em 2010 e, juntos, marcaram muitos gols.

"Fiz essa dupla com o Adriano também. Ele também era um jogador mais fixo, que não rodava muito e goleador. Quando se tem jogadores inteligentes e de qualidade na mesma posição, se treinar e conversar bastante, tem como jogo junto", explicou.

Nos últimos jogos da temporada, Tite tem optado pelo esquema 4-1-4-1 com Guerrero na frente, como o jogador mais avançado do time. O comandante já declarou em outras oportunidades que não vê o time nesse esquema com Guerrero e Love juntos. No treino dessa tarde, com os dois em campo, Tite alterou para o tradicional 4-4-2.

Para o atacante, essa não é uma alteração obrigatória. "Se ele (Tite) quiser que eu jogue só de um lado do campo, eu vou fazer o meu melhor. Acho que não teria nenhuma dificuldade. Quado você joga em mais de uma posição, é melhor", explicou o atacante, que garante que conseguiria jogar com Guerrero mais avançado e ele auxiliando na linha de quatro mais atrás.

"Quando se tem jogadores de qualidade no elenco, não tem por que não jogar junto. Eu e o Guerrero junto pode ser que dê certo", completou.

Sobre a possibilidade de perder o "novo" parceiro para uma proposta de fora ou até mesmo no caso de uma não renovação do contrato do peruano, Vagner Love diz que o elenco precisa estar preparado para qualquer situação, mas que esse não é assunto comentando entre os jogadores.

"Nós temos que estar preparados pra tudo e à disposição do Tite para jogar sempre.Eu não conversei com ninguém, não vi ninguém comentando sobre a saída dele. Se ele ficar, será muito bom para a gente, tem uma identificação muito grande com o clube, deu titulo para o clube e vai ajudar muito na temporada. Quem decide é ele, a diretoria e o staff dele", finalizou.

Veja Mais:

  • Gol de Balbuena abriu o placar nesta quarta-feira

    Balbuena e Pedrinho marcam, Corinthians despacha colombianos e avança na Sul-Americana

    ver detalhes
  • Pedrinho concedeu entrevista na beira do gramado após a partida desta quarta

    Pedrinho define sensação de marcar primeiro gol com a camisa do Corinthians

    ver detalhes
  • Timão se aproximou ainda mais da segunda colocação no Torcedômetro

    Fiel Torcedor volta a crescer e Corinthians diminui diferença para segundo lugar no Torcedômetro

    ver detalhes
  • Kazim recebeu nota baixa da Fiel

    Balbuena e Pedrinho? Kazim e Clayton? Vitória do Corinthians é marcada por 'abismo' de atuações

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes