Segunda casa do Corinthians, Pacaembu passa por processo de concessão

Segunda casa do Corinthians, Pacaembu passa por processo de concessão

Por Meu Timão

O Pacaembu recebe o Corinthians desde sua inauguração, em 1940

O Pacaembu recebe o Corinthians desde sua inauguração, em 1940

Foto: Getty

O Pacaembu, local onde o Corinthians já conquistou o Torneio Rio-São Paulo de 1950 e 1954, o Paulista de 1951, 1954 e 2009, o Brasileiro de 2011, a Libertadores de 2012 e a Recopa Sul-Americana de 2013, está prestes a viver uma nova fase.

Símbolo esportivo da cidade de São Paulo, o estádio perdeu a frequência de jogos com a inauguração das novas arenas da cidade, principalmente da Arena Corinthians. Por isso, está em curso um chamamento público para a sua concessão, organizado pela Prefeitura Municipal.

Com apenas um interessado até agora, a busca de um parceiro privado que assuma as obras de revitalização tem como objetivo a modernização do espaço, descartando o uso do dinheiro público.

Desde sua inauguração, em 1940, o Pacaembu sempre recebeu o Corinthians de portas abertas. O Timão foi o clube que mais atuou naquele conhecido gramado, por isso, o estádio guarda vitórias, conquistas, memórias e grande parte da história do clube.

Hoje, o Estádio do Pacaembu é considerado pela torcida alvinegra como uma segunda casa, já que foi palco de vários capítulos da história corinthiana. Segundo dados do aplicativo Almanaque do Timão, são 1688 jogos, dentre eles 966 vitórias, 396 empates e 326 derrotas. No total, são 3308 gols marcados com o manto preto e branco desde o primeiro jogo disputado no famoso estádio paulista.

Simbolismos à parte, a Prefeitura estuda as propostas de candidaturas para, em seguida, receber os projetos de modernização do seu, o meu, o nosso Pacaembu.

Veja Mais:

  • Pablo voltou a sentir dores na coxa e precisou deixar o gramado quarta-feira

    Pablo é diagnosticado com lesão e se torna desfalque do Corinthians

    ver detalhes
  • Clayson pode ser titular contra o Fluminense, mas outros estão no páreo.

    Sem Carille, definição do time titular do Corinthians no Rio é adiada

    ver detalhes
  • Pablo para por até seis semanas no Corinthians

    Médico do Corinthians explica lesão de Pablo e nega relação com contratura

    ver detalhes
  • Carille vive dia complicado nesta sexta-feira

    Carille sofre perda familiar, e Corinthians se solidariza com nota de pesar

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes