Com vontade de jogar, Love recorda gols sobre o São Paulo

Com vontade de jogar, Love recorda gols sobre o São Paulo

Por Meu Timão

3.0 mil visualizações 39 comentários Comunicar erro

Vagner Love espera atuar no clássico deste domingo contra o São Paulo

Vagner Love espera atuar no clássico deste domingo contra o São Paulo

Foto: Daniel Augusto Jr. / Ag. Corinthians

Recém-contratado pelo Timão, Vagner Love espera ter uma chance de atuar no clássico deste domingo, diante do São Paulo, às 16h, no Morumbi, pelo Campeonato Paulista. O atacante de 30 anos lembrou que costuma dar sorte em partidas contra o rival.

“Foram três jogos contra o São Paulo. No meu primeiro, já fiz dois gols e fui feliz”, recordou Love. Os gols marcados pelo atacante aconteceram quando ele atuava pelo Palmeiras, no Campeonato Brasileiro de 2004.

O atacante também falou da expectativa para o clássico deste domingo. De acordo com o atleta, está é uma partida que ninguém quer ficar de fora. “É um jogo que todo jogador quer estar em campo, é um clássico, a gente sabe da rivalidade. Quem o Tite perguntar se quer estar, todo mundo vai levantar a mão e estar à disposição dele”, afirmou.

Apesar da esperança, Vagner Love não deve começar como titular diante do São Paulo. Contra o Mogi Mirim, pelo Paulistão, o atacante ganhou uma chance do técnico Tite, mas sentiu o desgaste físico e foi substituído ainda no intervalo. Além disso, Tite conta com o retorno dos atacantes Emerson Sheik, que estava lesionado, e Guerrero, que cumpria suspensão pela Libertadores.

“Esses 20% são alguns detalhes de entrosamento, ritmo de jogo. Mas com treinamento e entrosamento vamos adquirindo. Ritmo de jogo vai ser no decorrer dos jogos, para pegar o ritmo o quanto antes, para melhorar a parte física, técnica e fazer o que a comissão técnica espera”, declarou o jogador.

Por fim, Love comentou sobre seu jejum de gols. Desde novembro de 2014, o atacante não balança as redes adversárias. O último foi quando ele ainda atuava pelo Shandong Luneng (CHI), pela decisão da Copa da China. Mas, não é algo que o incomoda no momento. “Tenho, tenho sim (saudades do gol). Não joguei muito esse ano, mas os jogos que tive oportunidade de entrar, tentei marcar. Já estou sentindo em falta (de fazer gols), espero que possa entrar e balançar as redes”, finalizou.

Veja Mais:

  • Com grande atuação de Pastor & cia., Corinthians conquistou Liga Ouro e estará no NBB

    Corinthians sobra no último quarto, bate São José e é campeão da Liga Ouro; time vai ao NBB

    ver detalhes
  • Com Oya, Timão tenta terceira vitória consecutiva no Paulista Sub-20

    Embalado, Corinthians vai a Guaratinguetá e encara lanterna do Paulista Sub-20

    ver detalhes
  • Já classificado, time feminino do Corinthians enfrenta Portuguesa pelo Paulistão

    Para manter invencibilidade, Corinthians recebe Portuguesa na Fazendinha pelo Paulistão

    ver detalhes
  • Bruno Savignani é campeão da Liga Ouro à frente do Corinthians

    Savignani se emociona com volta do Corinthians à elite do basquete e exalta Fiel

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes