Riquelme: Boca admite dificuldade em cobrir oferta corintiana

O sonho do Corinthians em contar com Riquelme no centenário está cada vez mais próximo de se tornar realidade. Nesta segunda feira, um alto dirigente do Boca Juniors assumiu que será difícil manter...

O sonho do Corinthians em contar com Riquelme no centenário está cada vez mais próximo de se tornar realidade. Nesta segunda feira, um alto dirigente do Boca Juniors assumiu que será difícil manter seu maior astro em 2010.

Em entrevista à Rádio La Plata, o vice-presidente José Beraldi admitiu que seu clube está ciente de que não terá condições de oferecer os números que envolvem o interesse do Corinthians - US$ 2,5 milhões/ano (cerca de R$ 4,25 milhões).

"Roman está ciente de que não podemos dar a ele esses números, a menos que haja uma atitudade significativa a partir dele", disse o dirigente.

Entre a DIS - braço esportivo do Grupo Sonda -, e o Boca Juniors já existe um acordo, que deve ser assinado tão logo haja um acerto entre o jogador e o Corinthians.

Apesar da dificuldade na manutenção de Riquelme, Beraldi afirmou que deseja a permanência do jogador. "Nós gostaríamos de renovar o seu contrato", finalizou.

Fonte: Terra

Riquelme: Boca admite dificuldade em cobrir oferta corintiana Riquelme: Boca admite dificuldade em cobrir oferta corintiana 0

Veja Mais:

  • Corinthians foi derrotado e acabou caindo para a sétima colocação

    Derrota faz Corinthians perder duas posições na tabela de classificação

    ver detalhes
  • Corinthians humilha Tapetense no Facebook

    FÓRUM: Corinthians humilha Tapetense no Facebook

    ver detalhes
  • Walter foi eleito o melhor em campo neste domingo

    Walter é destaque, mas reservas não agradam e ficam com piores notas do Timão

    ver detalhes
  • Rodriguinho está fora da próxima rodada do Brasileirão

    Súmula informa cartão amarelo após partida e Corinthians terá outro desfalque

    ver detalhes

Com Riquelme e Ronaldo, o Corinthians será favorito na libertadores?

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a comentar!

  • 1000 caracteres restantes