Autor do gol da vitória, Malcom aprova rodízio e diz: 'quero ser ídolo aqui'

7.5 mil visualizações 64 comentários

Malcom garante que não pretende deixar o Timão e que quer fazer história no clube

Malcom garante que não pretende deixar o Timão e que quer fazer história no clube

Daniel Augusto Jr./Agência Corinthians

Malcom terminou a temporada de 2014 como titular. Mas, em 2015, perdeu a posição e tem recebido oportunidades na equipe de Tite graças ao rodízio promovido pelo comandante nos jogos do Campeonato Paulista.

Em uma das oportunidades, na noite dessa quarta-feira, o atacante marcou o gol da vitória do Corinthians contra o São Bernardo, na Arena. O jovem aprovou o esquema de rodízio e garante que as alterações deixam a equipe toda em alto nível.

"O grupo está muito forte e mesmo sendo considerado reserva, precisamos trabalhar cada vez mais, o dobro de quem é titular. Entra um, sai outro, a equipe está em alto nível. As vezes em caso de atletas machucados, faz outra função, como o Yago fez ontem e fez uma excelente partida. Todo mundo quer jogar aqui", declarou, em coletiva após o treino dessa quinta-feira.

"Quanto mais jogos, melhor. Pega condicionamento físico, apesar de eu não estar jogando muito. Quanto mais joga, é melhor. Jogador pensa assim", completou.

Com um relógio dourado gigante, que chamou muito a atenção dos presentes na sala de coletiva, Malcom mostrou o lado tímido e contou que tentou fugir de dar entrevista.

"Tenho muita vergonha, não escondo isso de ninguém. Estou um pouco nervoso com poucos jornalistas, estou bem tranquilo, agora já estou melhor. O Denis (assessor) veio falando comigo, mas agora está tranquilo. Eu disse ao Edílson (que deu entrevista junto do colega) que ele iria vir sozinho, mas ele falou para eu perder a vergonha", explicou o atacante, que concedeu sua primeira coletiva dentro da sala do CT Dr. Joaquim Grava.

Um dos grandes nomes das categorias de base do Corinthians e especulado pela imprensa europeia em clubes como, Chelsea, Barcelona e Manchester United, o jovem, de apenas 18 anos, garante que não pretende deixar o alvinegro e que sabe qual é o seu real desejo.

"Quero jogar futebol. É o que eu mais gosto de fazer. Pretendo ficar no Corinthians, meu contrato vai até 2016, quem resolve sobre renovação é meu representante. Minha cabeça é essa, jogar futebol e dar muitas alegrias ao Corinthians", contou.

"Aqui, eu sonho em fazer em historia. Eu também penso em jogar na Europa como todo atleta, mas eu não penso agora, quero jogar aqui, fazer história aqui e virar ídolo aqui", finalizou.

Veja Mais:

  • Matheus Davó está integrado ao elenco de Tiago Nunes desde o começo de 2020

    Contratação de Davó coleciona gafes no Corinthians desde o ano passado; veja lista

    ver detalhes
  • Evento na Arena Corinthians exibe uniforme com logo preto e branco

    Evento na Arena Corinthians exibe nova camisa com patrocínio em preto e branco; entenda

    ver detalhes
  • Colombiano Yony González durante o treino no CT Joaquim Grava

    Compra de Yony: diretor financeiro do Corinthians contradiz diretor de futebol do clube

    ver detalhes
  • Em 1920, o Corinthians goleou o Santos por 11 a 0

    11 a 0: Há exatos 100 anos, Corinthians batia o Santos e aplicava a maior goleada de sua história

    ver detalhes
  • Técnico Tite deixou Corinthians em 2016 rumo à Seleção Brasileira

    Com dedo de Tite, CBF muda para Arena Corinthians estreia da Seleção nas Eliminatórias da Copa-2022

    ver detalhes
  • Tiago Nunes comanda último treino do Corinthians na semana

    Corinthians trabalha cruzamentos e atividade tática em último treino da semana; veja fotos

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia: