Ralf critica maratona, fala sobre atrasos de salário e revela: 'Quero me aposentar aqui'

Ralf critica maratona, fala sobre atrasos de salário e revela: 'Quero me aposentar aqui'

Por Meu Timão

Em entrevista, o camisa 5 analisou a vitória desta quinta-feira sobre a Penapolense

Em entrevista, o camisa 5 analisou a vitória desta quinta-feira sobre a Penapolense

Foto: Daniel Augusto/ Agência Corinthians

Nesta quinta-feira, a vítima do Timão foi a Penapolense. O Alvinegro bateu o time do interior por 5 a 3 e chegou à 27ª partida de invencibilidade na Arena Corinthians. Mesmo assim, a pauta das entrevistas no CT Dr. Joaquim Grava continua sendo outra. O assunto desta semana é a maratona de jogos que o time de Tite está atravessando - em sete dias, o Corinthians jogou três rodadas do Estadual.

Ralf, um dos líderes do elenco, falou sobre o assunto após o treino desta sexta-feira e analisou a situação. De acordo com o volante, a equipe sofrerá um desgaste maior por conta do calendário apertado.

"Quatro jogos consecutivos em oito dias é quase desumano, mas a gente sabe que nosso elenco é muito forte e o Tite sabe que tem peças boas para estar colocando em campo. A gente sabe que é difícil você a cada dias fazer uma partida com a intensidade que o nosso time joga, então você acaba se desgastando um pouco mais", comentou o camisa 5 em entrevista ao 'Bate-Bola' 2ª edição, da ESPN Brasil. O jogador inocentou o técnico Tite pelos gols que a equipe sofreu diante da Penapolense. "Claro que a participação é de todos. Mas quem tem menos culpa é ele, porque ele não entra em campo. Quem entra em campo somos nós e a gente acabou naturalmente relaxando, se descuidando um pouco e acabamos tomando três gols", afirmou.

Ralf falou ainda da importância do próximo jogo da Copa Libertadores. Segundo ele, o Corinthians falhou enquanto pôde. "A gente sabe que os erros acontecem, faz parte. Mas é melhor errar agora do que na fase de mata-mata do Paulista e da Libertadores, principalmente. Temos um jogo difícil na quarta-feira contra o Danubio (URU), a gente sabe que precisa dessa vitória que é de suma importância para classificarmos logo", disse o jogador.

No clube desde 2010, o 'cão-de-guarda', apelidado pela própria torcida, viveu grandes momentos com o manto alvinegro, de eliminação na pré-Libertadores de 2011 a conquista do Mundial de Clubes, em 2012. É um dos últimos jogadores que restaram do elenco vencedor no Japão. Contudo, o Alvinegro segue em débitos com o jogador, que aguarda receber cerca de seis meses de direitos de imagem atrasados. Com muita naturalidade, o camisa 5 afirmou que isso não o incomoda e que seguirá se dedicando ao máximo.

"É difícil você falar. Eu até evito a falar ao máximo de parte financeira, porque estou aqui há cinco anos e nunca passei por esses atrasos. E agora a gente está vivendo essa situação, mas não é só no Corinthians. A gente sabe que a realidade dos clubes brasileiros é essa, financeiramente está difícil para todos. Não é isso que vai atrapalhar meu foco, meu objetivo, como o do Renato, como o do Danilo e como o de outros jogadores que tem atraso. Aqui sempre se pagou em dia, sempre foi correto. Quando a gente entra em campo, a gente procura esquecer isso, problemas familiares, extra-campo, a gente procura deixar tudo de lado. Então, acaba pesando mais a vontade, nosso trabalho, nosso dever. Aqui o grupo é muito profissional quanto a isso, todo mundo assimila isso muito bem", declarou.

Multicampeão, o volante falou de sua vontade de permanecer no Timão até que ele resolva 'pendurar as chuteiras'. "Tenho contrato até o final do ano, estou focado aqui. Claro, como sempre deixei claro, quero permanecer, quero me aposentar aqui. Esse é o meu desejo, minha vontade de permanecer, de renovação. Mas isso eu deixo para a diretoria, para os meus representantes estarem conversando. Se for possível estar renovando, conquistar mais títulos aqui com essa camisa do Corinthians que é tão importante", finalizou.

Veja Mais:

  • Corinthians volta a jogar nesta segunda pela Liga Nacional

    Corinthians encara 'reforçado' Sorocaba na primeira final da Liga Nacional

    ver detalhes
  • Craque do futsal do Corinthians, Leandro Lino deve jogar pelo Sorocaba em 2017

    Quatro campeões do Corinthians recebem proposta do Sorocaba e devem 'virar casaca' em 2017

    ver detalhes
  • Pelada registrada no Amapá, onde Caio presenciou o tradicional 'futilama'

    Do Amapá à Antártida: torcedor do Corinthians, fotógrafo percorre o mundo em busca de peladas

    ver detalhes
  • Cerca de 200 integrantes de organizadas foram ao Pacaembu neste domingo

    Ato de organizadas tem gritos de 'Vamo Chape' e pedido por liberdade nos estádios

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes