Corinthians pensa em dar mais benefícios ao próximo patrocinador

Corinthians pensa em dar mais benefícios ao próximo patrocinador

Por Meu Timão

Ombro e omoplata da camisa do Corinthians estão vazios

Ombro e omoplata da camisa do Corinthians estão vazios

Foto: Daniel Augusto Jr./ Agência Corinthians

O novo diretor de marketing do Corinthians, Marcelo Passos, traçou uma estratégia diferente para vender os patrocínios remanescentes no uniforme do Timão. A intenção de Passos é vender os espaços na manga e no omoplata da camisa do time, e em troca, ceder espaços publicitários na Arena Corinthians e no CT Joaquim Grava, afim de arrecadar até 15 milhões de reais. As informações são de Dassler Marques do portal UOL.

A empresa que patrocinar a camisa do clube irá aproveitar o bom momento do clube, que disputará em casa a partida das quartas-de-final do Campeonato Paulista e está próximo de se classificar também à fase de mata-mata da Libertadores da América. A alta exposição do Corinthians na TV e os jogos sempre com bom público no nosso novo estádio devem aumentar o valor de mercado dos patrocínios.

Em 2014, a empresa "Car System" patrocinava o omoplata do clube, enquanto a Fisk patrocinava as mangas. Em 2015, a Fisk chegou a fechar um patrocínio pontual novamente na manga, lugar onde a empresa tem ocupado há anos, durante o clássico contra o Palmeiras, mas não deu continuidade no patrocínio.

Veja Mais:

  • Kazim marcou um dos gols da vitória do Timão na Florida Cup

    Corinthians conhece adversário de final da Florida Cup 2017

    ver detalhes
  • Timão conquistou a vaga sobre o Flamengo na Arena Barueri

    Corinthians bate Flamengo e vai à semifinal da Copinha

    ver detalhes
  • Pedrinho fez golaço de empate do Corinthians

    Golaço faz meia do Corinthians beirar nota máxima da torcida; árbitro quase zera

    ver detalhes
  • Pottker ainda defenderá a Ponte no Paulistão antes de chegar ao Corinthians

    Corinthians acerta contratação de Pottker para depois do Paulistão

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes