Corinthians x Grêmio

Pela Copa São Paulo de Futebol Júnior, o Corinthians vai vencendo o Grêmio

Acompanhe ao vivo

Com patrocínio errado, China pirateia uniforme três do Corinthians

Com patrocínio errado, China pirateia uniforme três do Corinthians

Por Meu Timão

39 mil visualizações 112 comentários Comunicar erro

Uniforme três do Corinthians é pirateado e vendido

Uniforme três do Corinthians é pirateado e vendido

Reprodução

Ultimamente, com a boa campanha apresentada, o Corinthians tem chamado a atenção no cenário internacional. Fato curioso e não esperado é que camisas do Timão sejam falsificadas e vendidas em populares sites estrangeiros de vendas.

Além das conhecidas camisas pretas e brancas, nesse ano, depois de roxo, grená, cinza, azul e amarelo, o Corinthians deverá apresentar uma camisa três na cor laranja. Entretanto, seu lançamento deverá acontecer somente em agosto. Mas para alguns venderores do AliExpress, ela já "existe" e está a venda!

Sem as cores tradicionais do clube, a ideia da camisa laranja já chegou ao outro lado do mundo, pirateada. Mas é fácil notar alguns erros na "nova camisa", como o patrocínio nas mangas. Neste ano, o Corinthians não conta mais com o patrocínio da Fisk, escola de inglês.

Confira as imagens dos "produtos":

Camisa AliExpress

Camisa AliExpress

Veja Mais:

  • Corinthians luta por vaga nas semifinais da Copinha

    Corinthians enfrenta Grêmio por vaga nas semifinais da Copinha; acompanhe em tempo real

    ver detalhes
  • Roger se despediu dos seus companheiros na tarde desta sexta-feira no CT

    Sem espaço no Corinthians, Roger pede rescisão e é atendido pela diretoria

    ver detalhes
  • Marquinhos Gabriel foi anunciado como reforço do Cruzeiro

    Marquinhos Gabriel deixa Corinthians e é anunciado pelo Cruzeiro

    ver detalhes
  • Ramiro está confirmado por Carille e médicos do Corinthians para a partida deste domingo

    Carille confirma escalação do Corinthians para estreia do Paulistão; Ramiro tem situação atualizada

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes