Com casa cheia, o Timão joga para confirmar uma vaga na Libertadores

Com casa cheia, o Timão joga para confirmar uma vaga na Libertadores

Por Meu Timão

Corinthians e San Lorenzo se enfrentam na casa do Timão

Corinthians e San Lorenzo se enfrentam na casa do Timão

Foto: Daniel Augusto Jr. / Ag. Corinthians

Em partida válida pela quinta rodada da fase de grupos da Libertadores, o Timão entra em campo com a possibilidade de cravar a classificação para as oitavas de final. Um empate contra o San Lorenzo já garante a vaga do Timão como o primeiro colocado do Grupo 2.

Mesmo com a vaga bem adiantada, Tite optou por convocar o time com força máxima, jogando com Cássio, Fagner, Felipe, Gil e Uendel; Ralf, Jadson, Elias, Renato Augusto e Emerson Sheik; Vagner Love. O atacante Vagner Love assume a posição de Paolo Guerrero, com dengue e internado, ainda sem previsão de alta.

Já o San Lorenzo, terceiro colocado do grupo com seis pontos, precisará atacar o Timão já um empate ou uma derrota dos argentinos deixaria o atual campeão da competição em situação bem delicada. Para o confronto, o treinador Edgar Bauza deverá escalar o time com: Torrico; Buffarini, Caruzzo, Yepes e Más; Ortigoza e Mercier; Villalba, Blanco e Romagnoli; Mauro Matos.

Com todos os ingressos esgotados, a bola rola na Arena Corinthians nessa quinta-feira às 22 horas.

Veja Mais:

  • Mesmo com Jô, Timão não foi páreo para Flamengo na tarde deste domingo

    Sonolento, Corinthians leva três no primeiro tempo e é derrotado pelo Flamengo

    ver detalhes
  • Após revés, Timão foi aplaudido por torcedores presentes na Ilha do Urubu

    Volante beira nota zero, e Giovanni é eleito o melhor do Corinthians em derrota

    ver detalhes
  • Danilo fica no Corinthians por mais uma temporada

    Carille confirma renovação do contrato de Danilo com Corinthians

    ver detalhes
  • Balbuena e Romero, os paraguaios do Corinthians

    Romero se torna o estrangeiro com mais jogos na história do Corinthians; Balbuena chega ao 100º

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes