Bilheteria do Timão em 2015 é maior que a soma de Flamengo, São Paulo, Internacional e Cruzeiro

Bilheteria do Timão em 2015 é maior que a soma de Flamengo, São Paulo, Internacional e Cruzeiro

Por Meu Timão

Caiu em Itaquera, já era

Caiu em Itaquera, já era

Foto: Rodrigo Coca / Agência Corinthians

O público da Arena Corinthians tem sido um espetáculo a cada jogo em Itaquera. O tão desejado estádio novo corinthiano tem provocado recordes de público e renda. Em 13 jogos oficiais em casa nesse ano, o Timão já arrecadou R$25.082.947,00 de renda e é o clube mais brasileiro que mais faturou com bilheteria em 2015.

Segundo um levantamento do site UOL, o Corinthians supera a soma arrecadada por Flamengo, São Paulo, Internacional e Cruzeiro juntos.

Outra comparação interessante é que o Corinthians arrecadou quase 5 vezes mais do que o São Paulo em 2015. O Santos nem aparece na lista, o clube dá baixada não conseguiu faturar nem um décimo do que o Timão arrecadou na Arena Corinthians.

Veja o ranking dos clubes brasileiros que mais arrecadaram em bilheterias em 2015

1º – Corinthians – R$ 25.082.953
2º – Palmeiras – R$ 19.144.660
3º – Flamengo – R$ 6.835.717
4º – São Paulo – R$ 5.668.482
5º – Internacional – R$ 5.092.600
6º – Cruzeiro – R$ 4.213.974
7º – Atlético-MG – R$ 3.981.649
8º – Grêmio – R$ 3.937.254
9º – Botafogo – R$ 3.117.395
10º – Vasco – R$ 2.612.690

Veja Mais:

  • Mais um herói na arquibancada de cima

    [Walter Falceta] Mais um herói na arquibancada de cima

    ver detalhes
  • Setor Norte da Arena Corinthians segue interditado para o início do Brasileirão

    Setor Norte da Arena segue interditado para Brasileiro; Corinthians pode ter dois clássicos 'vazios'

    ver detalhes
  • Pedrinho surge como opção para Jadson, que foi preservado do treino nesta quarta-feira

    Pedrinho é testado por Carille no primeiro treino com titulares antes de decisão

    ver detalhes
  • Guilherme foi empréstimo ao Atlético-PR

    Atlético-PR anuncia contratação do corinthiano Guilherme até 2018

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes