Capitão do Corinthians no Japão, Alessandro quer 'trocar a ficha' para clássico na Libertadores

Capitão do Corinthians no Japão, Alessandro quer 'trocar a ficha' para clássico na Libertadores

Por Meu Timão

Alessandro foi o capitão do Corinthians no Japão

Alessandro foi o capitão do Corinthians no Japão

Foto: Daniel Augusto/ Agência Corinthians

O Corinthians sentiu perder a vaga para a final do Campeonato Paulista. Com a melhor campanha entre todos os participantes no torneio, o Timão deixou a competição ainda invicto - no último domingo, depois do empate em 2 a 2 no tempo normal, foi eliminado pelo Palmeiras nos pênaltis.

Hoje coordenador técnico do clube, o ex-capitão Alessandro falou sobre o sentimento da desclassificação no Estadual mais importante do país. De acordo com o jogador, está na hora de manter o foco na maior competição das Américas. "É ruim, não vamos dizer que não é negativo, que não doeu essa desclassificação. Perdemos nos pênaltis uma vaga em uma final que gostaríamos muito de estar", declarou o ex-lateral do Corinthians, durante participação no Seleção SporTV.

"Segunda-feira foi complicado, uma reapresentação ruim. Mas hoje é um novo dia, vamos mobilizar todos para o jogo importante de amanhã à noite. Ontem foi negativo, hoje não vai ser mais. Vamos trocar a ficha para quarta-feira, às 22h, no Morumbi, estar todo mundo focado", afirmou Alessandro.

Uma das ausências mais sentidas pelo torcedor corinthiano no último clássico foi a de Paolo Guerrero. O peruano segue fora do time realizando um tratamento contra a dengue. Segundo o coordenador, o camisa 9 deve retornar aos treinamentos nesta quarta-feira, dia da última partida do Alvinegro na Taça Libertadores.

"O estado dele neste momento é um quadro muito bom. Ele saiu do hospital, esteve domingo na Arena, torceu muito, sofreu bastante com a gente e amanhã (quarta) se reapresenta para a reavaliação médica. E, junto com departamento físico, vai entrar na programação para readquirir sua forma, pelo período com essa dengue que o tirou destes jogos. Ficamos preocupados, mas estamos aliviados com a sua melhora", finalizou Alessandro.

Com 13 pontos conquistados, o Corinthians busca a vitória para garantir o segundo lugar geral na competição sul-americana e manter a invencibilidade da temporada - até aqui, o clube do Parque São Jorge disputou 25 jogos oficiais, com 18 vitórias e sete empates.

Veja Mais:

  • Marquinhos Gabriel é aposta do Corinthians para triunfar em território hostil. Vale a aposta?

    Contra o Racing, Corinthians decide classificação às quartas da Sul-Americana

    ver detalhes
  • Fachada do estádio, no alto, com imagens de ídolos e os anos de glórias

    Estádio do rival do Corinthians cultua e respeita a história de quem fez história pelo clube

    ver detalhes
  • Carille conduziu trabalho do Timão no estádio Presidente Perón

    Carille explica mudanças no Corinthians e pede 'jogo inteligente' por vaga

    ver detalhes
  • Jô falou com a imprensa nesta terça-feira já na Argentina

    Jô admite toque no braço, nega trapaça e abre o jogo sobre polêmica no Corinthians

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes