Aos 46 anos, ídolo do Timão marca e manda recado a Guerrero: 'Sou mais matador'

Aos 46 anos, ídolo do Timão marca e manda recado a Guerrero: 'Sou mais matador'

Por Meu Timão

Ex-Corinthians, Viola pede chance na Seleção Brasileira

Ex-Corinthians, Viola pede chance na Seleção Brasileira

Foto: Divulgação

Aos 46 anos, o ex-jogador do Timão e ídolo alvinegro, Viola, estreou pelo Taboão da Serra, no Paulista da Segunda Divisão, nesse final de semana. Mostrando que ainda está em boa forma, o atacante marcou um gol e ajudou na vitória por 2 a 1 contra o Ecus.

Conhecido por sempre falar o que pensa, Viola deixou o gramado mandando um recado aos atuais atacantes do Timão, Vagner Love e Guerrero.

"Gostaria que o Vagner Love, o Fred, o Guerrero tomassem cuidado e começassem a fazer gols rápido, porque agora tem o Viola. Com todo respeito a eles, na área eu sou mais matador", declarou.

Com quase 30 anos de experiência no futebol, Viola acredita que pode ajudar outro time, além do Taboão: o do técnico Dunga.

"E espero que o Dunga olhe um pouco mais para mim. Se ele precisar de um homem de área na Seleção, pode contar com o Viola", completou.

Com duas rodadas da competição, o time de Viola é o terceiro colocado, no Grupo 3, com quatro pontos.

Veja Mais:

  • Meia sentiu a costela após dividida com Betão

    Jadson tem fratura constatada e desfalca Corinthians por um mês

    ver detalhes
  • Jô, artilheiro do Corinthians na temporada com 15 gols, não balançou as redes nesta quarta-feira

    Fora de casa, líder Corinthians para na retranca do Avaí e volta a empatar no Brasileirão

    ver detalhes
  • Walter não garantiu permanência no Corinthians

    Walter não garante permanência no Corinthians: 'Estou aguardando'

    ver detalhes
  • Marquinhos Gabriel não viveu boa noite na Ressacada

    Torcida do Corinthians escolhe árbitro e Marquinhos Gabriel como vilões por empate contra o Avaí

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes