No Paraguai, corinthianos podem pagar até 70 vezes mais do que torcedores do Guaraní

No Paraguai, corinthianos podem pagar até 70 vezes mais do que torcedores do Guaraní

Por Meu Timão

Para acompanhar o Corinthians no Paraguai, torcedores alvinegros deverão preparar o bolso

Para acompanhar o Corinthians no Paraguai, torcedores alvinegros deverão preparar o bolso

Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

O próximo confronto do Corinthians está marcado para o dia 6 de maio e será em Assunção, no Paraguai. Contudo, o torcedor que planeja assistir a primeira partida válida pelas oitavas de final da Libertadores, já deve preparar o bolso.

Na noite da última terça-feira, em entrevista ao jornalista Elvin Kobs, da rádio Cardinal 730 AM, Juan Alberto Acosta, presidente do clube paraguaio, declarou sua intenção de precificação dos ingressos no estádio Defensores del Chaco. Como era de se esperar, os corinthianos serão prejudicados nessa conta.

"Vamos dar toda a arquibancada sul e a preferencial sul (do Defensores del Chaco) aos torcedores do Corinthians. As arquibancadas sul custarão 90 dólares (R$ 262) e a preferencial sul custará 140 dólares (R$ 408)", afirmou o presidente.

Em caso semelhante, ainda durante a fase de grupos, na partida contra o Danubio, a diferença de valor do ingresso para o setor de visitante era quatro vezes maior do que a dos torcedores uruguaios.

Enquanto isso, a torcida de casa pagará aproximadamente 10 mil guaranis, que equivalem a R$ 6,00. Estabelecendo uma relação entre os preços anunciados, o primeiro setor destinado à torcida alvinegra custará 45 vezes e o segundo 70 vezes a mais. A diretoria do time do Parque São Jorge ainda não se pronunciou sobre o assunto, mas sem dúvida devolvera na mesma moeda na Arena Corinthians.

Veja Mais:

  • Romero foi bastante participativo no primeiro tempo, mas 'sumiu' na etapa final

    Sem criar chance de gol, Corinthians cai na pilha do Racing e é eliminado da Sul-Americana

    ver detalhes
  • Rodriguinho foi expulso após dar solada no atleta adversário

    Fiel não perdoa, e Rodriguinho beira nota zero em eliminação do Corinthians na Argentina

    ver detalhes
  • Rodriguinho deixou El Cilindro sem conversar com a imprensa

    Rodriguinho pede desculpas ao elenco por expulsão, mas opta pelo silêncio na zona mista

    ver detalhes
  • Adauto falou com a imprensa na saída do estádio El Cilindro

    Diretor do Corinthians detona arbitragem na Argentina: 'Verdadeiros artistas'

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes