Sobre favoritismo do Timão, Danilo declara: 'Fica mais para imprensa e torcedor'

Sobre favoritismo do Timão, Danilo declara: 'Fica mais para imprensa e torcedor'

Por Meu Timão

Experiente, Danilo mostrou vontade de conquistar Libertadores de novo

Experiente, Danilo mostrou vontade de conquistar Libertadores de novo

Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

Aproveitando as duas semanas para treinar e recuperar os jogadores, o Corinthians trabalhou no CT Dr. Joaquim Grava na manhã desta quarta-feira, dando sequência aos treinamentos após a folga coletiva do último final de semana.

Como todo o elenco, o meia Danilo não escondeu seu descontentamento com o desfecho da participação no Campeonato Paulista, mas também ressaltou suas expectativas com a Libertadores.

"Nós sabemos que o ideal, o objetivo, era chegar na final do Paulista. Infelizmente, não deu. Nós tivemos esse período muito válido, focar na Libertadores, nós sabemos que o desgaste é grande. Não tem jogo fácil. Libertadores é complicada. Temos que ter os pés no chão. Quem sabe a classificação pode estar lá. Acertar aqui para ir para lá e fazer um grande resultado", afirmou o jogador em coletiva de imprensa após o treino.

Ainda sobre o foco na competição sul-americana, Danilo falou sobre o desconhecimento do próximo adversário.

"Conheço pouco. A partir de amanhã ou depois vamos procurar saber mais, os jogadores, os lances, as características que o Tite sempre passa para a gente para sabermos mais sobre o adversário", revelou.

Reconhecendo que não será um jogo fácil para o Timão, completou: "Nós sabemos que assim, esse favoritismo fica mais para a imprensa e torcedor. No futebol não existe mais isso aí não. Futebol mostrou que quem jogar melhor no dia do jogo, vai vencer. Quem der menos oportunidade, marcar mais, assim que é. Temos que encarar como um grande jogo e não vai ser nada fácil".

Experiente em relação à Libertadores, o meio-campista, além de firmar que "Libertadores tem que saber jogar", atestou a vontade de conquistar o título novamente.

"Libertadores é um campeonato especial. Você joga com time de fora, não conhece as equipes, os campos, as viagens. Muda muito. Todo jogador quer ser campeão. Eu já ganhei duas, fui vice em outra, quero chegar lá de novo. Vamos trabalhar para chegar bem e decidir o título no final", finalizou.

Veja Mais:

  • Guilherme Arana disputará Sul-Americano no Equador

    Corinthianos são convocados para Sul-Americano Sub-20; Jabá fica fora

    ver detalhes
  • Moisés, de 21 anos, foi um dos destaques do Bahia em 2016

    Destaque do Bahia, lateral faz parte dos planos do Corinthians para 2017

    ver detalhes
  • Internacional foi alvo de gafe da Fifa

    Fifa comete gafe, troca escudo do Internacional e põe foto do Corinthians no lugar

    ver detalhes
  • Alan Mineiro não fica no Corinthians em 2017

    [Teleco] Alan Mineiro não fica no Corinthians em 2017

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes