Contra o Cruzeiro, Corinthians estreia com time reserva no Brasileiro e conquista 3 pontos

Corinthians Corinthians 1 x 0 Cruzeiro Cruzeiro

Brasileirão 2015

Contra o Cruzeiro, Corinthians estreia com time reserva no Brasileiro e conquista 3 pontos

Por Meu Timão

Romero relembrou 2014 e marcou contra o Cruzeiro

Romero relembrou 2014 e marcou contra o Cruzeiro

Foto: Daniel Augusto Jr. / Agência Corinthians

Na tarde deste domingo de dia da mães, o Corinthians foi à campo contra o Cruzeiro. Em Cuiabá, na Arena Pantanal, ambas as equipes - que estão entre partidas decisivas da Libertadores - entraram em jogo com os times reservas.

Mandante da partida, o Cruzeiro cumpria suspensão após problemas entre torcedores no clássico mineiro e optou por realizar a partida em Cuiabá. O jogo começou sob um forte calor, com temperatura em torno de 32º graus na capital do Mato Grosso.

Com intenção de preservar os atletas para a partida de volta contra o Guaraní, pela Libertadores, o Corinthians entrou em campo com muitas mudanças. Tite escalou a equipe tendo somente Cássio escalado dentre os titulares e trouxe na linha a dupla Yago e Dracena na zaga, os laterais Uendel e Edílson, no meio campo Cristian, Bruno Henrique, Petros, Danilo e a dupla Malcom e Vagner Love.

Primeiro tempo

O Cruzeiro começou mais impetuoso, e trouxe mais volume de jogo nos minutos iniciais. Não demorou, porém, para o Corinthians se encontrar em campo, e a equipe conseguiu por em campo as triangulações tão treinadas por Tite.

Vagner Love assumiu um papel de liderança no ataque, e ao lado de Malcom conduzia e driblava na área do Cruzeiro. O atacante fez no primeiro tempo uma de suas melhores atuações com a camisa do Corinthians. A marcação sob pressão também começou a funcionar, embora ainda faltasse à equipe corinthiana maior precisão na finalização.

O Timão começou a gostar do jogo e imprimir seu ritmo pouco a pouco na partida, e se mostrando superior à equipe celeste. Apesar disso, o torcedor corinthiano viu mais do brilho individual do que do trabalho em equipe, e a equipe não conseguia conectar como poderia o meio campo e ataque - assim, a etapa terminou sem gols.

Segundo tempo

Para a segunda parte do jogo, o Corinthians voltou com mudanças. Tite sacou Danilo para a entrada de Sheik. E já nos minutos iniciais, já se envolveu em uma falta: com pisão em Fabiano, Emerson foi responsável pela saída do jogador da partida, lesionado.

Tite, porém, decidiu fazer mais uma mudança. Não se sabe se insatisfeito com a atuação ofensiva ou preservando jogadores para a partida de quarta-feira e por volta dos 15 minutos colocou Romero no lugar de Vagner Love.

O atacante paraguaio tem tido poucas oportunidades atualmente, mas em 2014, havia feito boa partida contra o mesmo Cruzeiro, contra quem marcou seu único gol com a camisa do Corinthians. E foi de novo contra o Cruzeiro que o jogador reviveu seu melhor momento no Timão: aos 37 minutos, Romero marcou e desempatou a partida.

A última alteração aconteceu aos 45 minutos. Tite tirou Malcom para a entrada de Mendoza, que jogaria os últimos quatro minutos de acréscimo no jogo. O colombiano, porém, mal teve tempo para encostar na bola e já ouviu o apito final da partida. A vitória sobre o Cruzeiro, último campeão do Campeonato Brasileiro, valeu 3 pontos ao Corinthians.

O próximo jogo do Corinthians será na quarta-feira na Arena Corinthians, pela Libertadores. A equipe enfrentará o Guaraní, pelo jogo de volta das oitavas de final. Contra a equipe paraguaia o Timão terá o desafio de reverter os dois gols sofridos no primeiro tempo.

Quem Atuou

Títulares

Reservas

Técnico

Árbitro

Comente a partida entre Corinthians e Cruzeiro

  • 1000 caracteres restantes