Ao contrário de Sheik, Mendoza não recebe punição da Conmebol e está livre para jogar

Ao contrário de Sheik, Mendoza não recebe punição da Conmebol e está livre para jogar

Mendoza está liberado e pode ser opção na quarta-feira

Mendoza está liberado e pode ser opção na quarta-feira

Foto: Daniel Augusto Jr. / Agência Corinthians

Ao contrário de Emerson Sheik, o atacante Stive Mendoza está livre para voltar a disputar a Copa Libertadores da América pelo Corinthians. Na manhã desta segunda-feira, o caso do colombiano foi julgado pelo Tribunal de Disciplina da Conmebol e ele não recebeu punição.

Como já cumpriu o jogo de suspensão automática contra o Guaraní, na última quarta-feira, no Paraguai, Mendoza está liberado e pode ser opção para o jogo de volta, na Arena Corinthians.

Mendoza foi julgado pela expulsão no jogo contra o São Paulo, na última rodada da primeira fase da Copa Libertadores da América - assim como Sheik. No lance, no segundo tempo da partida, ele se envolveu em confusão com o atacant Luis Fabiano, que simulou uma agressão da parte do colombiano. Os dois jogadores foram expulsos.

Assim como Sheik, Mendoza foi julgado por conduta violenta e poderia pegar de três a seis jogos de punição. O Corinthians também não foi informado oficialmente sobre o resultado do julgamento do colombiano.

Liberado, o atacante poderá ser opção para o técnico Tite na quarta-feira, contra o Guaraní. Precisando vencer por três gols de diferença, o Timão precisa retomar o padrão de qualidade demonstrado no início da temporada. Na partida do Paraguai, Luciano assumiu a posição de Sheik e depois foi substituído por Malcom.

Veja Mais:

  • Michel (à esq.) e o sobrinho foram ao Maracanã naquele 23 de outubro

    Terceiro corinthiano solto no Rio desabafa: 'Fui pra ver o jogo, não pra brigar'

    ver detalhes
  • Torcedores na Arena poderão adicionar patch da Chapecoense em camisas

    Loja da Arena irá personalizar grátis camisas em homenagem à Chapecoense

    ver detalhes
  • Corinthians já definiu profissionais que devem permanecer e ser negociados

    Isaac, Mendoza, Oswaldo... Confira quem chega e quem sai do Corinthians

    ver detalhes
  • É tudo política, estúpido!

    [Marco Bello] É tudo política, estúpido!

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes