Representante da Camisa 12 se diz 'indignado' e pede fim de 'corpo mole' no Timão

Representante da Camisa 12 se diz 'indignado' e pede fim de 'corpo mole' no Timão

Um pequeno grupo de cerca de dez torcedores foram na porta do CT Joaquim Grava protestar. Com notas falsas de dinheiro e faixas, o grupo ficou durante todo o treino gritando contra os jogadores.

Antes, porém, a reportagem do Meu Timão conversou com Marco Capão, líder do grupo e torcedor da Camisa 12. Segundo Capão, o protesto é contra o atual momento do time, que, independente de salários atrasados, não deveria ter sido eliminado das duas competições que disputou no início deste ano.

"A gente acredita que no Corinthians não deveria haver isso daí. Todo mundo tem o direito de receber, porém, quando a gente está no meio de um campeonato super importante para nós e para a massa alvinegra em geral, a gente vai vir aqui e vai cobrar como sempre, principalmente quando esses caras estiverem fazendo corpo mole, como estão fazendo agora", disse.

"Estamos trazendo aqui o sentimento do Neco, lá trás, que sempre cobrava o Corinthians, desde 1930, 1920. Estamos aqui pelo sentimentalismo corinthiano", completou.

Capão garantiu que o protesto não tinha foco em apenas um jogador, era para o grupo todo, mas não deixou de ressaltar que existem atletas que fazem "corpo mole" no elenco atual do Timão.

"Para nós todos estão errado, os jogadores tem que jogar bola, depois eles cobram a diretoria. Nosso protesto está estendido a todos os jogadores, sem exceção. Principalmente os que estão fazendo corpo mole, que vão saber o que a gente tá falando aqui", disse

"Nós estamos muito infelizes. E não é só nós, o Camisa 12, os 27 mil associados. São 32 a 35 milhões de corinthianos que estão indignados com o que está acontecendo aqui", completou.

Veja Mais:

  • Rodriguinho enfrenta o Patriotas na Colômbia; fora Gabriel, Carille promove quatro novidades

    Em treino na Colômbia, Carille define escalação do Corinthians para jogo da Sul-Americana

    ver detalhes
  • Cássio ergue taça de campeão paulista 2017; jogador está perto de atingir 300 jogos

    Perto dos 300 jogos, Cássio elege Corinthians de 2017 o melhor grupo do qual fez parte

    ver detalhes
  • Da arquibancada para o campo: estádio de adversário do Corinthians não tem alambrado; veja vídeo

    Da arquibancada para o campo: estádio de adversário do Corinthians não tem alambrado; veja vídeo

    ver detalhes
  • Romarinho foi protagonista da final da Libertadores há cinco anos

    Viraliza na web versão de gol do Romarinho narrado por Galvão Bueno; assista

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes