Tite explica Love e Sheik no banco e alerta: 'Tem de ter cuidado com a base'

Tite explica Love e Sheik no banco e alerta: 'Tem de ter cuidado com a base'

8.3 mil visualizações 135 comentários Comunicar erro

Love e Sheik são banco contra a Chapecoense; Tite explica

Love e Sheik são banco contra a Chapecoense; Tite explica

Foto: Daniel Augusto Jr. / Agência Corinthians

Cássio; Edilson, Edu Dracena, Gil e Fábio Santos; Ralf; Elias, Jadson, Mendoza e Malcom; Guerrero. Essa é a equipe que inicia a partida contra a Chapecoense neste sábado.

Dois dos principais atacantes contratados nessa temporada, estão no banco: Emerson Sheik e Vágner Love. Durante a coletiva de imprensa, o técnico explicou o que levou Love a perder a espaço na equipe e por que escolheu Ángel Romero na partida contra o Guaraní.

"Ele vem jogando, mas na quarta-feira o Romero esteve melhor. Fez gol no domingo, entrou bem, decidiu. Não meço quem é melhor. Meço quem está melhor. Este é o grande desafio do técnico. Não sou de conceituar ninguém, vejo só o momento. O momento do Romero foi melhor. Agora posso ter mais opções. O Love passa por um período de readaptação", explicou.

Sobre Sheik, Tite não gostou de ser questionado. "O Emerson ficou fora do jogo contra o Cruzeiro, mas entrou no segundo tempo. Respondido?", disse.

Sem usar os dois jogadores, mas também sem dar opção para os jogadores da base que subiram para o profissional este ano, o técnico explicou que é preciso ter cuidado com os mais jovens.

"Fui lançado com 17 anos, sei como é, tenho o carinho da garotada. Na primeira passagem pelo Corinthians, lancei uns 14 garotos. Mas temos de ter cuidado para jogar essa responsabilidade no atleta. É Corinthians. O Marcelo Bielsa sempre fala isso: é lançar jogador não para entrar no meu currículo, mas lançar quando estiver pronto", finalizou.

Veja Mais:

  • Andrés Sanchez e Carlos Elias detalharam informações de troca de ingressos para treino aberto

    Corinthians divulga informações do treino aberto na Arena antes de decisão contra Flamengo

    ver detalhes
  • Diego Tardelli, há quase quatro anos no Shandong Luneng, volta a ser especulado no Corinthians

    Contratação de Tardelli pelo Corinthians já havia sido especulada outras vezes; relembre

    ver detalhes
  • Paciência para construir, falta de pontaria na frente: o que dá pra tirar da virada diante do Sport

    Mais de 500 passes, 70% de posse, poucas finalizações: os números da virada corinthiana na Arena

    ver detalhes
  • Torcedora do Sport discutindo com PM que a impediu de acessar setor visitante da Arena Corinthians

    Torcedoras do Sport acusam PM de agressão na Arena Corinthians; veja os relatos

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes