'Diretoria omissa', protestam cerca de 100 torcedores do Timão no Parque São Jorge

'Diretoria omissa', protestam cerca de 100 torcedores do Timão no Parque São Jorge

Por Meu Timão

Torcedores foram ao CT protestar nessa quinta-feira

Torcedores foram ao CT protestar nessa quinta-feira

Foto: Meu Timão

A torcida do Corinthians continua demonstrando insatisfação com o atual momento do time. Nesse sábado, um grupo de 100 torcedores foram protestar no Parque São Jorge.

Ao contrário do protesto dessa sexta, no CT Joaquim Grava, o alvo dos torcedores era a diretoria de futebol. O grupo exibia faixas com cobranças de "diretoria omissa" e "salário de ouro, futebol de lata".

A "onda" de protestou começou após a eliminação do Corinthians da Copa Libertadores da América, na última quarta-feira, para o Guarani do Paraguai.

No dia seguinte, a presença da polícia na porta do CT inibiu protestos. Apenas um torcedor solitário de bicicleta apareceu por cerca de cinco minutos e gritou pedindo para os atletas entrarem em greve.

Nessa sexta-feira, um pequeno grupo, de dez torcedores da Camisa 12, também foi ao CT, mas dessa vez o foco eram os jogadores. Segundo a torcida, o atual elenco faz "corpo mole" e é "mercenário".

O Corinthians enfrenta a Chapecoense, neste sábado, às 21h, em Araraquara, pela segunda rodada do Campeonato Brasileiro.

Veja Mais:

  • Prestes a completar 100 jogos, Rodriguinho se declara ao Corinthians

    Prestes a completar 100 jogos, Rodriguinho se declara ao Corinthians

    ver detalhes
  • Rapper americano fanático pelo Corinthians visita o CT e vira 'brother' de Kazim

    [Marco Bello] Rapper americano fanático pelo Corinthians visita o CT e vira 'brother' de Kazim

    ver detalhes
  • Provável nova camisa um do Corinthians

    Um dia antes de lançamento, vaza mais uma imagem da nova camisa do Corinthians

    ver detalhes
  • Jô é um dos titulares confirmados por Carille neste domingo

    Em último treino, Carille confirma escalação do Corinthians para o Majestoso

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes