Querendo Love em total plenitude e aconselhando Cassini, Tite diz: 'Vamos ter cuidado'

7.1 mil visualizações 84 comentários

Por Meu Timão

Tite durante o treino desta sexta-feira

Tite durante o treino desta sexta-feira

Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

Em entrevista coletiva após o treino na manhã desta sexta-feira, no CT Dr. Joaquim Grava, o técnico Tite foi o primeiro a receber a imprensa. Com tantos assuntos importantes em destaque, além de falar sobre a atual situação de Emerson Sheik, esclareceu o caso de Vagner Love, que será afastado durante duas semanas.

"Conversamos eu, Love, Fábio (Mahseredjian, preparador físico) e direção. Direto ao assunto, Love não teve pré-temporada e está em um nível físico abaixo dos demais. Nos próximos 15 dias, trazê-lo ao nível técnico dos demais, por isso esse aproveitamento", afirmou Tite.

Explicando a fundo os motivos para a decisão, completou: "Não tenho a data ou situação, a necessidade do momento. Foi pela necessidade de jogos. Agora, não. Vamos ter o Guerrero por dois jogos e depois vai para a Copa América e abre essa vaga. Quero ter Love na plenitude e na real condição. Se não foi pela necessidade, foi por termos errado"

Como foi visto conversando com o jogador durante o treino, outro ponto muito abordado durante a entrevista foi a possível saída do jovem Matheus Cassini, que está em negociação com o Palermo, da Itália.

"Conversei com uma série de pessoas, entre elas o Cassini. É um assunto diretivo. Não é da minha alçada. Sinceramente, é injusto fazer comparações com Marquinhos (hoje no PSG). Marquinhos jogou clássico de volante contra o Palmeiras. Cada um tem sua história", disse.

Conhecido pelos conselhos que dá aos atletas, revelou: "Vou falar a mesma coisa que falei para o Paulinho e Castán. Castán coloquei para jogar com 17 anos no Atlético-MG para marcar Fred. Dentro de todas as opções, te guia por onde pode desenvolver melhor o trabalho. Pega o coração e a cabeça. Não te guia por dinheiro. Toda vez que se decide por dinheiro é o inverso".

Aproveitando o gancho de Cassini com a questão da base, o treinador foi questionado sobre o aproveitamento dos mais jovens.

"A exigência técnica e emocional do Brasileiro é muito grande. Isso quer dizer que vamos ter cuidado. Uma coisa é colocar em um jogo contra o Fluminense e outra é jogar em casa contra qualquer equipe do Paulista, que não seja clássico", concluiu.

Veja Mais:

  • Quase 91% dos internautas aprovaram a negociação por Cazares

    Maioria absurda de torcedores do Corinthians gostaria da contratação de Cazares; veja enquete

    ver detalhes
  • Cazares no Corinthians | Entrevista exclusiva: informações animadores e preocupantes do Atlético-MG

    VÍDEO: Cazares no Corinthians | Entrevista exclusiva: informações animadores e preocupantes do Atlético-MG

    ver detalhes
  • Coelho tem mais dias de trabalho antes da próxima partida

    Fim de semana livre, retornos e dúvidas: Corinthians 'começa' trabalhos para jogo com o Sport

    ver detalhes
  • Arena não recebe torcida desde a paralisação causada pelo coronavírus

    Andrés: 'Corinthians não jogará mais o Brasileirão se liberar torcida apenas no Rio de Janeiro'

    ver detalhes
  • Jô no jogo contra o Fluminense, no Maracanã

    Corinthians consegue efeito suspensivo e Jô ficará à disposição para encarar o Sport

    ver detalhes
  • Atacante Romero deu uma forte entrada no companheiro de San Lorenzo

    Ex-Corinthians, Romero quebra perna de companheiro em treino; atleta lesionado era alvo do Palmeiras

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia: