Cassini revela chateação por falta de oportunidade, mas promete: 'Quero voltar'

Cassini revela chateação por falta de oportunidade, mas promete: 'Quero voltar'

Por Meu Timão

Cassini revelou chateação por não receber oportunidades na equipe titular do Timão

Cassini revelou chateação por não receber oportunidades na equipe titular do Timão

Foto: Daniel Augusto Jr. / Ag. Corinthians

O meia Matheus Cassini já está pronto para embarcar para a Itália, onde irá defender o Palermo. Nessa quarta-feira, ele viaja para conhecer o novo clube e realizar exames médicos. No entanto, o jogador viaja com a sensação de que poderia ter ganho mais oportunidades na equipe titular do Corinthians. Matheus só foi relacionado para uma única partida e ficou no banco de reservas.

"Saio chateado, esperava ter mais oportunidades no time de cima. Mas o futebol é assim mesmo, faz parte. Queria ter sido muito mais aproveitado, até por isso resolvi sair, foi um dos principais motivos para que eu tomasse a decisão de sair", explicou Cassini, em entrevista ao LANCE!.

"Fiz uma Copinha muito boa, merecia ter recebido ao menos uma oportunidade. Conversamos bastante, mas saio um pouco chateado, sim. Mas respeito o Tite, ele sabe o que faz. Ele sempre falava que ia me usar, que eu tinha potencial, que o clube acreditava em mim. Me deu muitos conselhos também. O Tite foi transparente, mas teve ter tido os motivos dele para não me usar, a fase do Corinthians é difícil", completou.

O meia também aproveitou para agradecer o carinho da torcida do Corinthians. Assim que foram divulgadas as primeiras notícias de que ele poderia ser vendido, os torcedores criticaram muito a diretoria e o técnico Tite nas redes sociais.

"Fiquei muito feliz e surpreso com a torcida, não esperava por isso. Pô, me deixaram milhares de mensagens de apoio no Instagram. O carinho que o torcedor teve por mim foi sensacional, serei eternamente grato por terem brigado por mim. Por isso que eu falo: quero voltar e ser feliz no Corinthians. Espero um dia voltar, de verdade", finalizou.

Veja Mais:

  • Roberto de Andrade assumiu presidência do Corinthians em fev/2015 e segue até fev/2018

    Conselheiros barram votação do impeachment, e Roberto de Andrade segue presidente do Timão

    ver detalhes
  • Roberto de Andrade concedeu entrevista nesta segunda no Parque São Jorge

    Após se livrar de impeachment, Roberto de Andrade sugere tentativa de golpe no Corinthians

    ver detalhes
  • Rodriguinho deve ser uma das opções para o Corinthians no BR-17

    Corinthians tem Chape e clássicos logo no começo; veja a tabela completa do BR-17

    ver detalhes
  • Patch que será usado pelos jogadores no Dérbi de quarta-feira

    Rivalidade à parte: Corinthians e Palmeiras se unem e usarão logo no clássico

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes