Torcedor fica cego durante confusão antes de jogo do Timão contra Joinville

Torcedor fica cego durante confusão antes de jogo do Timão contra Joinville

Por Meu Timão

Jogo entre Corinthians e Joinville ficou marcado pela violência fora do estádio

Jogo entre Corinthians e Joinville ficou marcado pela violência fora do estádio

Foto: Ricardo Taves / Agência Corinthians

Antes da partida do Timão contra o Joinville, disputada na noite do último sábado, cerca de seis torcedores do clube da casa apedrejaram um carro de corinthianos que estava estacionado próximo ao estádio. A confusão, porém, causou a perda da visão a Jonathan Willian, torcedor do time de Santa Catarina. A informação é do portal UOL Esporte.

O incidente aconteceu após a chegada da Polícia Militar ao local. Para acabar com o conflito entre as torcidas, ela utilizou bombas de gás e efeito moral, tropas da cavalaria e disparos de balas de borracha.

Jonathan, de apenas 15 anos, acabou atingido e teve que passar por uma cirurgia no olho direito na mesma noite, em um hospital do município. Ele teve o globo ocular ferido e terá que colocar uma prótese em 60 dias. Apesar do incidente, o jovem torcedor do Joinville já teve alta e passa bem.

Segundo o tenente-coronel Nelson Coelho, comandante do 8º Batalhão de Polícia Militar de Santa Catarina, não é possível afirmar que, de fato, foi uma bala de borracha que atingiu o torcedor, haja visto que muitas pedras foram arremessadas durante a briga. Já para Leandro Rocha, amigo de Jonathan, o artefato foi disparado pela própria PM.

"Eu estava perto do Jonathan quando o policial atirou na nossa direção. Eu estava com minha namorada e mandei ela correr para um lugar seguro. Ela pediu que ele fosse junto, afinal somos todos amigos, mas não deu tempo de nada. O policial apontava a arma em nossa direção, daí eu olhei para frente, escutei os disparos e somente após o tumulto encontrei o Jonathan me procurando, com a mão no olho, pedindo ajuda", contou o torcedor ao UOL Esporte.

Ainda de acordo com o tenente-coronel Nelson Coelho, uma investigação será aberta para apurar as causas do incidente.

Veja Mais:

  • Sub-20 comemorando título do Corinthians/UNIP no futsal

    Sub-20 conquista título estadual e Corinthians fica perto de fim de ano perfeito no futsal

    ver detalhes
  • Michel (à esq.) e o sobrinho foram ao Maracanã naquele 23 de outubro

    Terceiro corinthiano solto no Rio desabafa: 'Fui pra ver o jogo, não pra brigar'

    ver detalhes
  • Torcedores na Arena poderão adicionar patch da Chapecoense em camisas

    Loja da Arena irá personalizar grátis camisas em homenagem à Chapecoense

    ver detalhes
  • Corinthians já definiu profissionais que devem permanecer e ser negociados

    Isaac, Mendoza, Oswaldo... Confira quem chega e quem sai do Corinthians

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes