Meia do Timão abre o jogo sobre atrasos, e crê em 'briga' pelo Brasileirão

Meia do Timão abre o jogo sobre atrasos, e crê em 'briga' pelo Brasileirão

Por Meu Timão

Renato Augusto afirmou que os atrasos atrapalham 'um pouco', mas que o Timão entra forte na briga pela parte de cima da tabela

Renato Augusto afirmou que os atrasos atrapalham 'um pouco', mas que o Timão entra forte na briga pela parte de cima da tabela

Foto: Daniel Augusto Jr. / Agência Corinthians

Uma das principais críticas que a atual gestão do Corinthians tem recebido é o atraso no pagamento dos direitos de imagem de alguns jogadores. Recentemente, a diretoria quitou pouco mais da metade das pendências com o volante Ralf. Nesta segunda-feira, o meia Renato Augusto, que também aguarda o acerto, abriu o jogo sobre o assunto.

"Não está em dia, mas a gente vem conversando bastante e, sendo normalizado, este assunto vai acabar", afirmou o jogador, em entrevista ao SporTV. "É ruim. Atrapalha um pouco o jogador estar sem saber o que vai acontecer com ele daqui a pouco tempo. Quem está nesta situação, atrapalha um pouco", acrescentou o meio-campista, que participou da vitória do Timão por 1 a 0 sobre o Joinville no último sábado.

"Mas ninguém nunca entrou em campo sem dar 100%. Acho que os profissionais têm que ser valorizados. Fazemos de tudo para ganhar, mas o trabalho continua e com certeza vamos brigar lá em cima", avisou Renato Augusto.

O Timão está há apenas dois pontos do G4, grupo que dá acesso à Taça Libertadores na próxima temporada. Agora, o técnico Tite terá uma semana inteira de trabalho pela frente, algo que pode ser decisivo para que a equipe retome o bom futebol apresentado no início do ano.

"Foram vários pequenos fatores. A gente começou a temporada muito em alta, talvez a gente chegou a um nível muito rápido e depois tenha dado uma caída. E quando caímos foi em um momento decisivo. Oscilamos em um momento ruim", analisou o camisa 8, que ainda falou sobre a pressão de jogar pelo time do Parque São Jorge.

"Quando você é eliminado em um clube como o Corinthians, com a saída de jogadores, esta situação acaba sendo demais. Agora é achar um novo padrão tático e estamos começando a encontrar soluções. Nos últimos dois jogos voltamos a atuar bem, não é um nível top, mas a evolução é natural", finalizou.

O Corinthians entra em campo neste sábado, às 16h30, contra o Internacional. Após dois jogos fora de casa, o Timão retorna à Arena e busca a quarta vitória no Brasileirão.

Veja Mais:

  • Universidade Brasil firmou acordo com Corinthians para primeiro jogo da final estadual

    Corinthians anuncia patrocínio pontual para final do Paulistão; veja como fica a camiseta

    ver detalhes
  • Alan Mineiro não volta ao Corinthians em 2017

    Corinthians empresta Alan Mineiro para quarto clube diferente em menos de um ano

    ver detalhes
  • Corinthians encerrou preparação contra a Ponte Preta

    Clima bom, susto de Pablo e escalação do Corinthians: o último treino antes da Ponte Preta

    ver detalhes
  • Casuals foi derrotado nos pênaltis neste sábado; próxima temporada só em agosto

    Nos pênaltis, Corinthian-Casuals perde final e adia sonho de subir de divisão

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes