Escolhido pela Globo, Corinthians perde 'melhor horário' do Brasileirão

Escolhido pela Globo, Corinthians perde 'melhor horário' do Brasileirão

Por Meu Timão

Corinthians está fora do horário que tem feito os melhores públicos do Brasileirão

Corinthians está fora do horário que tem feito os melhores públicos do Brasileirão

Foto: Daniel Augusto Jr. / Agência Corinthians

A CBF está testando um novo horário de disputa no Campeonato Brasileiro e o Corinthians está fora dos "benefícios" dos clubes que disputam seus jogos no novo modelo. O principal lado bom do horário alternativo é o público no estádio: os dois maiores das seis primeiras rodadas foram registados em jogos no novo horário.

A partida entre Internacional e Goiás, neste domingo, registrou 41.594 mil torcedores no Beira Rio. Antes disso, no Allianz Parque, 37.337 mil torcedores assistiram a Palmeiras e Goiás, no início do torneio.

O Corinthians, no entanto, não conta essa possibilidade para aumentar ainda mais a média de público da Arena. Antes do início da competição, a CBF anunciou que o Timão não faria parte do teste do novo horário. O Flamengo também ficou fora.

O "veto" aos dois clubes foi feito por que eles são "pontos fora da curva poderia prejudicar uma análise mais correta" do novo modelo. Mas, nos bastidores, a audiência das transmissões também são "culpadas" por isso.

O Corinthians é dono das maiores audiências da TV Globo nesse ano. Nesse Campeonato Brasileiro, por exemplo, já bateu recorde. O Flamengo também. A emissora carioca não exibe os jogos de domingo, às 11h, e, por isso, também, os dois clubes ficaram fora dos testes.

Além do público alto, o Timão também está perdendo a oportunidade de economizar com gastos do estádio alvinegro. O Internacional, por exemplo, declarou que economizou cerca de R$ 60 mil só com gastos referentes a luz do Beira Rio. O pagamento de funcionários e a carga de horário de trabalho também é menor em jogos pela manhã.

Veja Mais:

  • Oswaldo defendeu utilização da cor verde em homenagem à Chapecoense

    Oswaldo comenta tragédia da Chapecoense e é mais um a defender cor verde no Corinthians

    ver detalhes
  • Torcida do Corinthians se despediu da Arena no empate por 0 a 0 com o Atlético-PR

    Maior do país, público do Corinthians é duas vezes a média do Brasileirão 2016

    ver detalhes
  • Sala de cabines de TV da Arena passa a ser chamada Lilácio Pereira Jr.

    Corinthians batiza sala de transmissões da Arena em tributo a vítima de acidente

    ver detalhes
  • Golaço de Marlone sobre Cobresal rendeu a ele indicação ao Puskás

    Marlone supera Messi e Neymar e vai à final do Prêmio Puskás da Fifa

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes