Ex-corinthiano participa de projeto que revela jogadores para os EUA

Ex-corinthiano participa de projeto que revela jogadores para os EUA

Por Meu Timão

Marcelinho Paulista, ídolo do Timão, tem novo projeto

Marcelinho Paulista, ídolo do Timão, tem novo projeto

Foto: Divulgação

Projetos que visam a revelação de jovens para o futebol estrangeiro não são novidade no Brasil. Entretanto, era mais comum encontrar escolinhas de futebol com o foco de revelar garotos para a Europa. Agora, o esporte tem ganhado mais espaço nos Estados Unidos e, assim, um grupo de empresários brasileiros tomou a iniciativa de criar um centro de treinamento em Bragança Paulista, com o objetivo de formar atletas para as universidades dos EUA.

Entre o quarteto de empresários responsáveis pela iniciativa, e na gerência esportiva do projeto, está Marcelinho Paulista, ex-volante e ídolo do Corinthians. O grupo que representa os empresários e investe no projeto é a HWT, que contratou o jogador ainda em 2013.

"São três ligas universitárias importantes nos EUA. Vamos recrutar garotos para um programa que visa o ingresso nas universidades como bolsistas. O garoto vai ter formação de qualidade com a chance de praticar futebol", disse Marcelinho em entrevista à Folha de S.Paulo.

O centro de treinamento, construído em uma área de 100 mil m², será inaugurado ainda nessa semana. Até o final deste ano, haverá um estádio ecológico de 5.000 lugares, dois campos de grama sintética, alojamento e um hotel. Até setembro de 2015, o grupo pretende recrutar 60 jovens entre 16 e 20 anos para o seguinte passo, que consiste na preparação esportiva e didática, visando as universidades dos EUA. Como a liga profissional do país é abastecida principalmente por jogadores universitários, há muita confiança no novo projeto.

Ainda assim, o programa não possui universidades fixas conveniadas, já que o contato de Marcelinho é diretamente com os treinadores universitários, que vão ajudar a indicar os garotos. As principais instituições cotadas são em estados como Nova Iorque, Califórnia e Washington. Essa inexistência de convênios pode ser justificada com a escolha de cada garoto por onde quer estuda. Com isso, a equipe de Marcelinho se responsabiliza por todo o processo.

O avaliação dos garotos contará com testes físicos, técnicos, de inglês e conhecimentos. Já o custo mensal do programa ainda não foi divulgado. Além disso, os outros nomes envolvidos na HWT, salvo o do ex-corinthiano, não foram abertos.

Além do futebol, há planos de futuramente incluir no novo CT um programa idêntico para o futebol feminino e outras modalidades esportivas. Jovens carentes da região de Bragança Paulista também poderão receber bolsas.

Veja Mais:

  • Guilherme Arana disputará Sul-Americano no Equador

    Corinthianos são convocados para Sul-Americano Sub-20; Jabá fica fora

    ver detalhes
  • Moisés, de 21 anos, foi um dos destaques do Bahia em 2016

    Destaque do Bahia, lateral faz parte dos planos do Corinthians para 2017

    ver detalhes
  • Internacional foi alvo de gafe da Fifa

    Fifa comete gafe, troca escudo do Internacional e põe foto do Corinthians no lugar

    ver detalhes
  • Alan Mineiro não fica no Corinthians em 2017

    [Teleco] Alan Mineiro não fica no Corinthians em 2017

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes