'O Corinthians reza dia e noite para vender o Pato', declara Roberto de Andrade

'O Corinthians reza dia e noite para vender o Pato', declara Roberto de Andrade

Por Meu Timão

Roberto de Andre voltou a criticar Alexandre Pato, emprestado ao rival do Morumbi até o fim desta temporada

Roberto de Andre voltou a criticar Alexandre Pato, emprestado ao rival do Morumbi até o fim desta temporada

Foto: Divulgação

Eleito presidente do Corinthians em fevereiro, Roberto de Andrade voltou a falar sobre o futuro de Alexandre Pato, vinculado ao clube até o fim desta temporada. Na noite desta quarta-feira, o dirigente revelou que o Timão “sonha” em negociar o atacante e recuperar parte do investimento de R$ 40 milhões realizado no início de 2013.

"Na realidade, eu não vou falar nenhuma novidade. Todo mundo sabe que o Corinthians pretende, quer e reza dia e noite para vender o Pato. Não vou negar. A solução para isso é a venda dele nessa janela de transferências”, afirmou Roberto, em entrevista à ESPN.

De acordo com o dirigente, o jogador terá que se apresentar ao Corinthians após o término de seu empréstimo junto ao São Paulo, mesmo que o “clima” entre atleta e clube esteja insustentável.

“Existe a possibilidade de que isso (venda) não aconteça. Então, no primeiro dia útil de 2016 ele tem que se apresentar. Ele tem que respeitar o que assinou, paciência. Não importa se ele não gosta do elenco ou o elenco não gosta dele", declarou o mandatário.

Questionado sobre um inevitável arrependimento na contratação de Pato, Roberto foi franco e admitiu que não teria a mesma atitude. “Não, lógico não, sem conhecer o futuro não. Ele (Pato) reunia tudo o que nós queríamos num atleta, idade boa, bom jogador, participou da Seleção... Na época, a maioria dos críticos, e também a torcida, era a favor porque reunia todos os ingredientes para dar certo”, lamentou.

“E falo para você, a culpa de não ter dado certo é 100% do atleta, 100% dele. Vocês conhecem o Tite, sabe a forma como é amável. Tudo que podia ser feito tecnicamente para o futebol dele fluir, foi feito e não fluiu”, finalizou.

Veja Mais:

  • Cerca de 200 integrantes de organizadas foram ao Pacaembu neste domingo

    Ato de organizadas tem gritos de 'Vamo Chape' e pedido por liberdade nos estádios

    ver detalhes
  • Kalil, à direita de Roberto de Andrade, pediu licença de 60 dias

    Vice-presidente solicita licença do cargo e dispara contra diretoria do Corinthians

    ver detalhes
  • Bruno César anotou o segundo gol na vitória por 2 a 0

    Ex-jogador do Corinthians marca golaço de falta e dedica à Chapecoense; veja o vídeo

    ver detalhes
  • Maycon conta com o aval de Oswaldo de Oliveira para retorno

    Retorno de Maycon minimiza necessidade por contratação de volante no Corinthians

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes