Corinthianos assistem Brasil e Paraguai e lamentam contratação de 'Romero errado'

Corinthianos assistem Brasil e Paraguai e lamentam contratação de 'Romero errado'

Por Meu Timão

Torcedores comparam Ángel e Óscar Romero

Torcedores comparam Ángel e Óscar Romero

Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

Na noite deste sábado, alguns torcedores chegaram mais cedo na casa alvinegra para acompanhar a partida entre Brasil e Paraguai, válida pelas quartas de final da Copa América, nos telões da Arena Corinthians.

O jogo, que terminou em 1 a 1 no tempo normal e levou a decisão aos pênaltis, culminou na eliminação do Brasil da competição. Porém, além das vaias da torcida corinthiana para a Seleção, algo que chamou a atenção dos torcedores, principalmente na internet, foi a atuação do meio-campista paraguaio Óscar Romero, irmão gêmeo do atacante alvinegro Ángel Romero.

No Twitter, os internautas questionaram, em tom bem humorado, a contratação do "irmão errado" pelo clube do Parque São Jorge. Durante a transmissão feita pela Sportv, até mesmo o narrador Milton Leite comparou "qualidade" dos irmãos.

Enquanto um irmão está na seleção paraguaia, o outro, no Corinthians, começa a partida contra o Figueirense no banco de reservas.

Confira a opinião da torcida sobre Óscar Romero

Veja Mais:

  • Timão venceu rival brasileiro em Orlando e carimbou classificação à final da Florida Cup Playoff

    Em noite de estreias e gol de Kazim, Corinthians goleia o Vasco na Florida Cup

    ver detalhes
  • Craque da partida, Kazim marcou um gol e deu uma assistência em apenas 45 minutos; Cristian foi abaixo

    Time reserva supera titular em notas da partida

    ver detalhes
  • Carille já foi avisado que Fagner e Rodriguinho podem ser convocados

    Além de Fagner, meia do Corinthians pode ser chamado por Tite para a Seleção Brasileira

    ver detalhes
  • Jadson coloca Corinthians como prioridade após retorno ao Brasil

    [Marco Bello] Jadson coloca Corinthians como prioridade após retorno ao Brasil

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes