Tite explica Ralf no banco e Bruno como titular

Tite explica Ralf no banco e Bruno como titular

Bruno Henrique ganhou vaga de Ralf na equipe titular

Bruno Henrique ganhou vaga de Ralf na equipe titular

Foto: Daniel Augusto Jr. / Agência Corinthians

Uma alteração chamou a atenção na equipe que deve enfrentar a Ponte Preta nessa quinta-feira. Mesmo após cumprir suspensão, o volante Ralf segue no banco de reservas e Bruno Henrique ganha a vaga na equipe titular. Responsável pela mudança, o técnico Tite explicou porque Bruno segue na equipe titular durante coletiva nessa quarta-feira.

"Fez boa apresentação no último jogo, o Ralf tinha baixado um pouquinho, agora vem retomando. O Bruno entrou pelo cartão do Ralf e foi muito bem. Vinha buscando seu espaço, o critério foi a grande atuação dele", esclareceu o técnico.

Além da boa atuação de Bruno Henrique, o técnico também diz que Ralf teve uma queda, que é natural e acontece com todos. O treinador ainda destaca o nível do volante que merece respeito.

"A organização da equipe tem uma estrutura tática que procura seu melhor momento. Ninguém mantém seu melhor nível o tempo todo. Todo mundo uma hora cai. Mas uma coisa me cativa muito. O Ralf é um profissional que, independentemente do momento, é o mesmo. Ele merece respeito por ser um profissional de alto nível", finalizou.

Veja Mais:

  • Com Guilherme no meio, Timão tenta conquistar primeira vitória em clássicos em 2017

    Corinthians encara rival São Paulo em decisão da Florida Cup

    ver detalhes
  • Arena Corinthians receberá a Ferroviária (dia 1/2), quarta, 21h45, por imposição da FPF

    Sem Peñarol! Diretoria do Timão pessimista em relação a amistoso no fim de semana

    ver detalhes
  • Kazim deve ter primeira chance como titular no Corinthians

    Carille põe Kazim titular e faz mais duas mudanças; veja provável escalação contra São Paulo

    ver detalhes
  • Cristian interessa à Chapecoense, mas salário é entrave

    Técnico da Chapecoense revela desejo de contar com Cristian

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes