Olheiro do Lyon no Brasil, ex-corinthiano cita interesse em levar Gil de volta à França

Olheiro do Lyon no Brasil, ex-corinthiano cita interesse em levar Gil de volta à França

Por Meu Timão

Gil entra em lista de reforços do Lyon, da França

Gil entra em lista de reforços do Lyon, da França

Foto: Daniel Augusto Jr./ Agência Corinthians

As boas atuações que ajudaram a consolidar a melhor defesa do Campeonato Brasileiro estão despertando interesses de fora do país pelo zagueiro Gil. Nessa semana, o nome do atleta do Timão foi colocado em uma lista de indicações para reforços do Lyon, da França.

O responsável pela lista é o ex-zagueiro do Corinthians, Marcelo Dijan. Ele é uma espécie de olheiro do time francês aqui no Brasil e indicou Gil como um dos prováveis reforços para a zaga francesa. "Indiquei alguns jogadores ao Lyon. Além do Jemerson, fiz um relatório sobre o Gil (Corinthians) e o Dedé", revelou o representante, em entrevista ao jornal francês, "L'Équipe".

O zagueiro Gil já é conhecido na França. Ele passou, entre 2011 e 2013, pelo Valenciennes, e, segundo o jornal, está avaliado em cerca de 6,4 milhões de euros (R$ 22 milhões). O principal alvo é o zagueiro do Atlético Mineiro, Jemerson, de apenas 22 anos. Avaliado em cerca de 25 milhões de euros, a diretoria francesa parece ter se assustado com a pedida e, por isso, Dijan teria indicado novos nomes.

Caso o Lyon transforme essa indicação em uma proposta por Gil, o clube tem até o dia 31 de agosto para concretizar a negociação. Essa é data final da janela para clubes europeus contratarem estrangeiros.

Veja Mais:

  • Arana pode se transferir para a Inter de Milão nos próximos dias

    Com oferta na mão, Corinthians espera retorno de presidente para definir venda de Arana

    ver detalhes
  • Corinthians optou por não utilizar redes sociais em respeito ao momento

    Corinthians suspende redes sociais em dia de velório coletivo da Chapecoense

    ver detalhes
  • Torcida do Corinthians se despediu da Arena no empate por 0 a 0 com o Atlético-PR

    Maior do país, público do Corinthians é duas vezes a média do Brasileirão 2016

    ver detalhes
  • Oswaldo defendeu utilização da cor verde em homenagem à Chapecoense

    Oswaldo comenta tragédia da Chapecoense e é mais um a defender cor verde no Corinthians

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes