Após polêmica de ingressos, diretoria do Atlético-MG responde e joga a culpa no Timão

3.7 mil visualizações 32 comentários

Por Meu Timão

Setor visitante ficou bem lotado durante a partida

Setor visitante ficou bem lotado durante a partida

Meu Timão

Mais de mil torcedores do Atlético-MG foram borrados na entrada da Arena Corinthians e não acompanharam a partida. Após a confusão, a diretoria do time mineiro se defendeu e colocou a culpa no Timão.

O Corinthians destinou apenas 970 ingressos para o setor visitante neste sábado. O local, normalmente, costuma receber até duas mil pessoas. A justificativa da direção alvinegra é que a equipe de arrecadação do estádio entrou em contato com os atleticanos, que informação que precisariam de apenas 170 entradas.

Além desse número, o clube também separou outros 800 ingressos para as torcidas organizadas e para a bilheteria expressa, localizada na Arena e com funcionamento apenas no dia do jogo. Todos se esgotaram rapidamente, causando a confusão antes da partida.

No entanto, o Atlético-MG, por meio de sua assessoria de imprensa, informou que o número pedido de ingressos era apenas para uso interno do clube e não para os torcedores.

"Esses 170 ingressos são para uso do clube. A venda para o torcedor é definida pelo time mandante. Por exemplo, quando o Corinthians joga no Independência, colocamos 2 mil ingressos para a venda. Esperávamos que essa reciprocidade acontecesse aqui. A outra forma é a solicitação de carga com antecedência e pagamento, o que não tem ocorrido com clubes que vão em BH e nem com a gente jogando fora", explicou a comunicação do Atlético, ao portal da ESPN.com.

Veja Mais:

  • Carlitos Tevez sugere encerrar a carreira no Parque São Jorge

    Corinthians faz publicação sobre Tevez e anima Fiel por possível contratação; veja repercussão

    ver detalhes
  • Alerta ao Corinthians na briga Flamengo x Globo | Transmissão de jogos no YouTube

    VÍDEO: Alerta ao Corinthians na briga Flamengo x Globo | Transmissão de jogos no YouTube

    ver detalhes
  • Gobbi foi presidente do Corinthians de 2012 a 2015

    Em nova enquete do Meu Timão, Gobbi desponta como favorito à presidência do Corinthians; confira

    ver detalhes
  • Sidcley ainda não teve sequência no Corinthians pela forma física

    Corinthians faz acordo com Dínamo de Kiev e posterga pagamento por Sidcley

    ver detalhes
  • Lucca rescindiu seu contrato antecipadamente e não é mais jogador do Corinthians

    Tentativa do Corinthians com Lucca não dá certo e jogador rescinde contrato antecipadamente

    ver detalhes
  • Michel Huff detalhou a situação do trio corinthiano nesse retorno aos treinos

    Preparador do Corinthians detalha situações de Sidcley, Everaldo e Jô após retorno dos treinos

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia: