Presidente do Atlético-MG rebate sobre pedida de ingressos ao Corinthians

Presidente do Atlético-MG rebate sobre pedida de ingressos ao Corinthians

Por Meu Timão

Setor visitante ficou bem lotado durante a partida

Setor visitante ficou bem lotado durante a partida

Foto: Meu Timão

A confusão com os ingressos da torcida visitante neste sábado na Arena Corinthians ainda não foi resolvida. Mais de mil torcedores do Atlético-MG ficaram para fora do estádio, sem entradas. O presidente do clube mineiro divulgou uma nota oficial explicando o ocorrido e lamentando a atitude da diretoria do Corinthians.

Na nota, Daniel Nepomuceno, lamenta o ocorrido, mas explica como é feita a compra de ingressos para visitantes em jogos ocorridos em Belo Horizonte e, questiona, o porque a diretoria do Timão não teve a mesma postura.

Segundo o Corinthians, foram pedidos apenas 170 ingressos pela diretoria mineira e cedidos mais 800 aos torcedores organizados que chegariam em caravanas. O setor visitante da Arena, no entanto, tem capacidade para 2 mil torcedores.

A versão do presidente Daniel Nepomuceno é outra. Segundo ele, o Atlético teria informado que teria mais de dois mil torcedores no estádio e esperava contar com a reciprocidade do Timão, pois sempre cede o mesmo número de ingressos quando é mandante contra o time paulista.

Confira a nota oficial do Atlético-MG na íntegra

"Em relação ao lamentável episódio de ontem (18/7), em que parte da torcida do Galo não pôde entrar na Arena Corinthians devido à falta de ingressos, o Atlético esclarece que:

A compra antecipada de ingressos pelo visitante, direito previsto no Art. 80 do Regulamento Geral de Competições da CBF, não é uma prática muito utilizada pelos clubes no Campeonato Brasileiro.

Em todos os estádios do Brasil, prevalece o bom senso dos clubes no que se refere à destinação de ingressos para a torcida adversária.

Sempre que Atlético e Corinthians se enfrentaram em Belo Horizonte, pelo Campeonato Brasileiro, o clube paulista não precisou exercer o direito de compra antecipada de ingressos para ter sua torcida nos estádios, uma vez que o Atlético sempre destinou dois mil ingressos para a torcida corintiana.

O Atlético informou ao Corinthians que teria de 2 a 2,5 mil torcedores no estádio e lamenta o ocorrido, uma vez que sempre respeitou a torcida do Corinthians nos jogos realizados em Belo Horizonte.

Clube Atlético Mineiro
Daniel Nepomuceno
Presidente"

Veja Mais:

  • Clayton disputou 14 jogos, marcando dois gols

    Corinthians e Atlético-MG finalizam últimos detalhes para devolução de Clayton

    ver detalhes
  • Carille definiu os jogadores que iniciam o duelo contra a Chapecoense

    Carille saca Clayson, mantém Jadson fora e escala Corinthians para enfrentar Chapecoense

    ver detalhes
  • Danilo volta a ser opção para Carille

    Sem Jadson e com Danilo, Corinthians relaciona 22 jogadores para viagem a Chapecó

    ver detalhes
  • Pablo pode voltar a jogar pelo Corinthians neste sábado

    Pablo treina no gramado, mas DM do Corinthians ganha novos 'pacientes'; veja lista

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes